Data
Título
Take
7.4.15

Teoria de Tudo.jpg

A teoria da cinebiografia!

 

Com o documentário Man on Wire, James Marsh já havia abordado os grandes feitos concretizados por homens notáveis, mas nunca sob uma perspectiva mais ficcional como este The Theory of Everything, o drama biográfico que arrematou corações e deu a Eddie Redmayne o Óscar de Melhor Actor.

 

THEORY-articleLarge.jpg

 

Contudo, deveremos situar-nos que esta biografia teorizada é sobretudo uma perspectiva de uma personagem alicerce na vida do notável Stephen Hawking, até hoje considerado o mais genial dos físicos. Essa perspectiva pertence a Jane Hawking (Felicity Jones), tendo como base um livro autobiográfico da sua autoria, auto-convertendo-se numa personagem martirizante sob o sofrimento, e ao mesmo tempo, da genialidade de Hawking, aqui ilustrado como uma figura faustiana e de certa forma simbólica para a narrativa. Talvez seja por isso que a jornada romantizada de Hawking e a sua primeira paixão, que segundo consta não foi a física, consegue cativar uma vasta gama de audiências, pelo simples facto que todo o mundo adora um bela história de amor.

 

the-theory-of-everything_eddie-redmayne.jpg

 

Marsh que tão bem transmitiu com fulgor o feito de Philippe Petit [Man on Wire], depois compensado com o Óscar de Melhor Documentário, rende-se à melífluosidade da sua trama, ao mesmo tempo que cede ao branqueamento das suas figuras, sem falar que o cineasta se reduz aos mais comuns dos padrões da cinebiografia. Mas tendo em conta este último ponto, Marshl recria um filme constantemente apresentado por um variedade de filtros na sua fotografia, constituindo uma sedução visual que acaba por ser exaustiva e artificial (visto o trabalho de pós-produção), estas características afastam a biografia do selo já formato do telefilme, mas não o separaram totalmente dessa mesma essência.

 

theory-of-everything-screencap.jpg

 

Referimos aqui um somente filme de actores, aliás são eles que erguem o mesmo e o transportam para campos mais emocionais, nomeadamente Redmayne que consegue mimetizar Hawking numa prestação mais física do que inerente. Do outro lado, Felicity Jones serve como catarse aos seus conflitos, a jovem actriz é eficaz no seu desempenho, mas é igualmente ofuscada e dependente da prestação do protagonista e personalidade de cartaz. A juntar a isto temos uma graciosa banda sonora elaborada para o efeito de emocionar, nem que seja à força. Eis uma típica biografia sob contornos hollywoodescos, porém, servida com um actor esforçadamente exemplar.

 

"There should be no boundaries to human endeavor. We are all different. However bad life may seem, there is always something you can do, and succeed at. While there's life, there is hope."

 

Real.: James Marsh / Int.: Eddie Redmayne, Felicity Jones, Tom Prior, Emily Watson, David Thewlis, Eileen Davies, Charlie Cox

 

1487_the_theory_of_everything.jpg

 

Ver também

Man on Wire (2008)

6/10
tags: ,

publicado por Hugo Gomes às 16:41
link do post | comentar | partilhar

sobre mim
pesquisar
 
arquivos
2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


recentemente

Pinar Toprak é compositor...

0%!! Gotti, filme de mafi...

Adrift (2018)

Eva (2018)

Primeiras imagens de «Won...

Arachnophobia terá remake...

Trailer: The Little Stran...

Trailer: First Man, Ryan ...

Trailer: The Girl in the ...

Jurassic World: Fallen Ki...

últ. comentários
Gritos 3: 5*Que filme excelente e fenomenal, adore...
Um dos meus favoritos 5*
Gritos 2: 5*Sidney, Dewey e Gale estão de regresso...
Para mim é um dos melhores estreados em 2018, amo ...
É já de domínio público que João Botelho adaptou, ...
Takes
10/10 - Magnífico
9/10 - Imprescindível
8/10 - Bom
7/10 - Interessante
6/10 - Razoável
5/10 - Medíocre
4/10 - Muito Fraco
3/10 - Mau
2/10 - Péssimo
1/10 - De Fugir
0/10 - Nulidade
stats counter
HTML Hit Counter
counter
links
mais comentados
25 comentários
20 comentários
13 comentários
12511335_1084470088250815_732384524_o
subscrever feeds
SAPO Blogs