Data
Título
Take
27.8.16

Comuna, A.jpg

A comunidade de Vinterberg!

 

"Qual é o valor da tua ferramenta?" foi com esta pergunta que uma das cenas mais memoráveis do documentário Torre Bela, de Thomas Harlan (o relato da transição ideológica de um Portugal pós-25 de Abril), se iniciou. Nesta mesma, os sonhos de uma politica de esquerda, a vontade de uma comunidade, é afrontada pela necessidade e orgulho de um só individuo, aqui um agricultor nada disposto a ceder a sua enxada a uma cooperativa agrária.

 

13882449_1463492610331428_5895509523294432697_n.jp

 

Quarenta anos depois, Thomas Vinterberg, um dos fundadores do Dogma 95 ao lado de Lars Von Trier, dirige The Commune (A Comuna), um exorcizar de uma ingenuidade politica que o realizador acolhera na sua juventude, porém, como o próprio parece demonstrar nesta sua nova obra, uma quebradiça ideia face às necessidades individuais. O casal preferido do cinema dinamarquês (Ulrich Thomsen e Trine Dyrholm), são novamente requisitados como volantes desta trama que arranca com uma herança imobiliária e um desejo de harmoniosa comunidade. Contudo, essa mesma fabricada colectividade, uma comuna entre amigos, é abalada com o aparecimento de um novo amor, uma terceira pessoa num relacionamento matrimonial de anos.

 

13876703_1463495630331126_3012367363178377604_n.jp

 

Thomas Vinterberg estende num prolongado confronto entre a comunidade e o individuo, salientando a "humanidade" de cada um face às ideologias politicas. Parece que este "sonho esquerdista" não é à prova de bala, neste caso de sentimentos vividos. Não com isto induzir-nos numa propaganda politica e tendo em conta o calor de posições do género que afronta o nosso país (quarenta anos desde Torre Bela e essa reconstrução ideológica continuamos com dúvidas acerca da nossa governação e dos requisitos destas), A Comuna é um filme que valida-nos como seres específicos e personalizados e não como rebanho de uma só voz. É também o retrato de que uma correcta politica é uma fantasia sonhada por homens idealizados. Não existe nenhum maniqueísmo, até mesmo a democracia é aqui questionada, segundo a personagem de Ulrich Thomsen, "não é a maioria que ditará como viverei a minha vida".

 

13912619_1463495626997793_3779811526683222676_n.jp

 

Longe da provocação fácil dos seus congéneres, Thomas Vinterberg segue o caminho mais subtil e difícil, porém, o faz com o auxilio de bons "tenores". Neste caso, Trine Dyrholm é uma musa expressiva, uma "bomba" emocional que testa qualquer doutrina sociopolítica.

 

Real.: Thomas Vinterberg / Int.: Fares Fares, Ulrich Thomsen, Trine Dyrholm, Julie Agnete Vang

 

MTG_20160405_MTG_1675-e1461433149746.jpg

 

7/10
tags: ,

publicado por Hugo Gomes às 21:45
link do post | comentar | partilhar

sobre mim
pesquisar
 
arquivos
2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


recentemente

Pinar Toprak é compositor...

0%!! Gotti, filme de mafi...

Adrift (2018)

Eva (2018)

Primeiras imagens de «Won...

Arachnophobia terá remake...

Trailer: The Little Stran...

Trailer: First Man, Ryan ...

Trailer: The Girl in the ...

Jurassic World: Fallen Ki...

últ. comentários
Gritos 3: 5*Que filme excelente e fenomenal, adore...
Um dos meus favoritos 5*
Gritos 2: 5*Sidney, Dewey e Gale estão de regresso...
Para mim é um dos melhores estreados em 2018, amo ...
É já de domínio público que João Botelho adaptou, ...
Takes
10/10 - Magnífico
9/10 - Imprescindível
8/10 - Bom
7/10 - Interessante
6/10 - Razoável
5/10 - Medíocre
4/10 - Muito Fraco
3/10 - Mau
2/10 - Péssimo
1/10 - De Fugir
0/10 - Nulidade
stats counter
HTML Hit Counter
counter
links
mais comentados
25 comentários
20 comentários
13 comentários
12511335_1084470088250815_732384524_o
subscrever feeds
SAPO Blogs