Data
Título
Take
28.12.15

Como já é habitual por estas bandas, antes de avançarmos com os Melhores do Ano, passamos então (melhor palavra é despachar) o pódio dos infames. São dez filmes que não querem de maneira nenhuma preencher o imaginário do espectador; blockbusters sem nada de novo para dizer, outros apenas a decadência de outrora grandes artesãos, sequelas automatizadas e cansadas, equívocos que transformam em filmes e oportunismo barato no cinema português. Deliciem-se ou não com os dez piores filmes de 2015 segundo o Cinematograficamente Falando …

 

 

10) San Andreas

 

capa.jpg

"O subgénero dos chamados filmes-desastre viveu o seu apogeu em pleno anos 70 (Earthquake, de Mark Robson vem automaticamente à memória), mas actualmente parece estar reduzido à escola de Roland Emmerich. Visto como um pretexto para uma exposição gratuita de CGI, com mais interesse em "abanar" o box-office mundial do que propriamente presentear o espectador com novas plataformas e experiências cinematográficas, San Andreas é talvez mais um exemplo dessa mesma "escola", que tirando o seu pano de fundo pedagógico - a falha de Santo André e as suas placas tectónicas – é de curto rastilho sem razão alguma para a sua existência." ler crítica

 

 

09) The Last Witch Hunter

 

last-witch-hunter-trailer-poster-vin-diesel.jpg

"Por melhores visuais que se tenha, a personalidade é algo substancialmente importante para a valorização de uma imagem. The Last Witch Hunter tem em certa parte uma ostentação estética caprichosa, mas nada vale perante um industrializado tratamento (…) Um filme tão medíocre que chegamos definitivamente ao porquê de Timur Bekmambetov ter fugido "a sete de pés" deste projecto." ler crítica

 

 

08) Taken 3

 

taken-main.jpg

"Provavelmente a única coisa que poderemos reconhecer como Taken são os breves momentos em que Neeson explica à sua filha que está inserido numa cilada, previsivelmente por vias do telefone. De resto, é mais do mesmo, e menos do que aquilo que poderíamos contar. Depois deste tomo, Luc Besson (o produtor) deveria seriamente avançar noutro franchise, porque este está definitivamente morto e enterrado." ler crítica

 

 

07) Hector and the Search of Happiness

 

11921-hectorwide.1200w.tn.jpg

"O que é a felicidade afinal? Ficamos a questionar. Certamente a resposta não irá ser encontrada aqui, nem que Simon Pegg escreva duzentos livros sobre o tema. Porém, ver Rosamund Pike é sempre motivo para um sincero sorriso. Nesta demanda, é o mais próximo que temos da harmonia intrínseca." ler crítica

 

 

06) Insurgent

 

insurgent_trailer_still.jpg

"(…) temos aqui um dos prováveis candidatos ao prémio de pior filme do ano, se não for, é pelo menos o mais caro do catálogo, com 110 milhões de dólares empregues em "mimos visuais". Todavia, para mal dos nossos pecados, o próximo capítulo já está a caminho e, infelizmente, sob o processo de divisão para dois filmes distintos. Meu rico Aldous Huxley!" ler crítica

 

 

05) Jupiter Ascending

 

13836-jupiter_ascending_2015_movie-wide.1200w.tn.j

"Por enquanto, ficamos com a confirmação de que os Wachowski parecem não possuir mais nada a dar ao cinema (poderíamos apelidar isto como A Queda de Júpiter). Como resultado, temos quase um primo vistoso de Battlefield Earth. Um (muito) aborrecido espectáculo." ler crítica

 

 

04) Mortdecai

 

Mortdecai_3170146b.jpg

"Se é verdade que Johnny Depp já não possui o "sex appeal" de outrora, é agora um facto que o seu talento encontrasse desvanecido como resultado do ego. Mortedcai (a personagem) resume-se a uma caricatura falante, com demasiado espaço de antena e pouco para oferecer ao espectador. Depp, repleto de maneirismos, não disfarça o seu sotaque artificial e o overacting que nos indica que tudo o que acabamos de assistir não passa de uma brincadeira forçada." ler crítica

 

 

03) Suite Française

 

suite.jpg

"Assim, desenrola-se um arquétipo de Romeu & Julieta composto por um final incoerente face a tudo aquilo que se assistiu. Suite Française é sim uma vergonhosa adaptação de um livro que se revelou o derradeiro legado de um ser humano acorrentado pelo seu panorama social, mas livre pelas suas palavras." ler crítica

 

 

02) A Date with Miss Fortune

 

6470.jpg

Do outro lado do Oceano, A Date with Miss Fortune tem sido comparado exaustivamente com My Big Greek Wedding (Viram-se Gregos para Casar), tudo porque ao nosso dispor temos a enésima visão pitoresca dos estrangeiros em culturas norte-americanas, onde mais uma vez são retratados como famílias profundamente tradicionais e caricaturalmente bizarras (…) São filmes como estes que nos fazem perdoar Love Actually, de Richard Curtis, e nos fazem realmente questionar que imagem é que o mundo tem de Portugaller crítica

 

 

01) O Pátio das Cantigas

 

screen-shot-2015-05-05-at-13-19-12_770x433_acf_cro

"Cinema? Não, autocolante televisivo. Homenagem? Não, simplesmente oportunismo." ler crítica

 

 

Menções Desonrosas: Pasolini, The Seventh Son, Adieu au Langage, Escobar: Paradise Lost, American Sniper, 50 Shades of Grey, Tracers

 

Pior Actor - Channing Tatum (Jupiter Ascending)

Pior Actriz - Dânia Neto (O Pátio das Cantigas, O Leão da Estrela)

Pior Realizador - Leonel Vieira (O Pátio das Cantigas, O Leão da Estrela)

Pior Argumento - O Pátio das Cantigas / A Date With Miss Fortune

Pior Filme num Festival - Dheepan (Cannes), Jogo de Xadrez (FESTin)

Filme mais ofensivo do ano - American Sniper e a sua propaganda maniqueísta e O Pátio das Cantigas a demonstrar que 600 mil portugueses saem dos seus sofás para ver uma versão alargada de televisão no cinema

Menção Honrosa: O "nenuco" de American Sniper

 

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.


publicado por Hugo Gomes às 22:31
link do post | comentar | partilhar

sobre mim
pesquisar
 
arquivos
2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


recentemente

Será o "bye bye" dos spin...

FEST exibe Todos Lo Saben...

Nadav Lapid estará no Cur...

A vida de Sammy Davis Jr....

Que caem as fronteiras en...

Pinar Toprak é compositor...

0%!! Gotti, filme de mafi...

Adrift (2018)

Eva (2018)

Primeiras imagens de «Won...

últ. comentários
Bel Ami: 3*A meu ver é fiel ao livro, gostei do qu...
Gritos 3: 5*Que filme excelente e fenomenal, adore...
Um dos meus favoritos 5*
Gritos 2: 5*Sidney, Dewey e Gale estão de regresso...
Para mim é um dos melhores estreados em 2018, amo ...
Takes
10/10 - Magnífico
9/10 - Imprescindível
8/10 - Bom
7/10 - Interessante
6/10 - Razoável
5/10 - Medíocre
4/10 - Muito Fraco
3/10 - Mau
2/10 - Péssimo
1/10 - De Fugir
0/10 - Nulidade
stats counter
HTML Hit Counter
counter
links
mais comentados
25 comentários
20 comentários
13 comentários
12511335_1084470088250815_732384524_o
subscrever feeds
SAPO Blogs