Data
Título
Take
28.9.16

Casa da Senhora Peregrine para Crianças Peculiare

Peculiar? Tim Burton faz o que pode, e mais não é obrigado. Será?

 

Verdade seja dita, saturados andamos com enésimas adaptações de livros infanto-juvenis de teor fantástico [vórtice 1]. Verdade seja dita, Tim Burton consegue trazer com tema tão explorado um certo grau de rigor e estilismo [vórtice 2]. Verdade seja dita, nem Burton é capacitado o suficiente para retirar a "milésima experiência" no ramo da mediocridade de estúdio formatado [vórtice 3].

 

msperegrine_1.jpg

 

Inspirado na escrita de Ransom Riggs, A Casa da Senhora Peregrine para Crianças Peculiares (título traduzido) possui os ingredientes integrais para agradar uma faixa etária, "comovo-nos" com humanos "especiais" e com heróis em modo "the one", envolvidos num pano de fundo da Segunda Guerra Mundial. Em Tim Burton tal matéria daria asas às suas catarses da "normalidade", assim como havia feito no ainda imbatível Edward Scissorhands (Eduardo Mãos de Tesoura). Mas nada disso, sendo possível identificar os "dedos" burtonescos do realizador, assim como uma certa ousadia em transgredir por entre a "normalidade" da produção, A Casa da Senhora Peregrine para Crianças Peculiares é um daqueles casos de que a originalidade não "mora aqui".

 

peregrins-gallery10-gallery-image.jpg

 

A culpa é de Ransom Riggs, poderão proclamar muitos, e a verdade sim, mas nada invalida que a produção cinematográfica sofra com todos os sindromas que abatem este subgénero de filmes, muito mais nas fases pós-Harry Potter, ou pós-Twilight, onde tudo que soava franchise juvenil-literário era motivo de adaptação. A começar por uma prolongada introdução deste universo fantástico até chegar a personagens rebuscadas sob uma infelicidade enorme de serem reduzidas a adereços do bizarro e até mesmo Eva Green, apostada como a grande protagonista, numa caricatura de si própria. Já que falamos de caricaturas, porque não mencionar Samuel L. Jackson.

 

peregrins-gallery6-gallery-image.jpg

 

Todo este arrastar pouco emocional e de território previsível termina sob "dinâmicos" acordes, um climax apressado, demasiado tosco e pueril que não deixa ninguém indiferente. Sim, o estúdio tem medo da palavra "flop", e há motivos para alarmes, vivemos em tempos que Spielberg já não é nome certo para o sucesso, por isso, Tim Burton também pode falhar nessa vertente comercial, sendo que tais pensamentos nos reflectem sobre o sucedido: "existe receio em apostar em mais um franchise".

 

peregrins-gallery1-gallery-image.jpg

 

Continuando com o "vórtice" da "verdade, seja dita", muitos serão tentados a responder que Tim Burton é acima de tudo um autor, e a menor obra deste pode ser considerado melhor que os dos outros, pois, é nesse estatuo que o nosso realizador precisa de uns "calduços". Vendeu a sua personalidade à indústria e voilá … o pior filme da sua carreira. Sim, mais esquecível que a "macacada" de 2001. Vale pelo previsível; cenários, efeitos visuais e sonoros e o estilo ainda "burtonesco" que corre nas veias das personagens.

   

Real.: Tim Burton / Int.: Eva Green, Asa Butterfield, Samuel L. Jackson, Judi Dench, Rupert Everett, Chris O'Dowd

 

MISS+PEREGRINE’S+HOME+FOR+PECULIAR+CHILDREN.jpg

4/10
tags: ,

publicado por Hugo Gomes às 21:15
link do post | comentar | partilhar

1 comentário:
De Frederico Daniel a 15 de Outubro de 2016 às 03:39
Eu por acaso gostei bastante deste A Casa da Senhora Peregrine para Crianças Peculiares: 4*

Este é um filme bastante bom e recomendo, pois está repleto de magia ao estilo de Tim Burton.
A meu ver a essência do Burton está lá, contudo o filme peca por ser infantil demais e por infantilizar o vilão.

Cumprimentos, Frederico Daniel.


Comentar post

sobre mim
pesquisar
 
arquivos
2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


recentemente

Pinar Toprak é compositor...

0%!! Gotti, filme de mafi...

Adrift (2018)

Eva (2018)

Primeiras imagens de «Won...

Arachnophobia terá remake...

Trailer: The Little Stran...

Trailer: First Man, Ryan ...

Trailer: The Girl in the ...

Jurassic World: Fallen Ki...

últ. comentários
Gritos 3: 5*Que filme excelente e fenomenal, adore...
Um dos meus favoritos 5*
Gritos 2: 5*Sidney, Dewey e Gale estão de regresso...
Para mim é um dos melhores estreados em 2018, amo ...
É já de domínio público que João Botelho adaptou, ...
Takes
10/10 - Magnífico
9/10 - Imprescindível
8/10 - Bom
7/10 - Interessante
6/10 - Razoável
5/10 - Medíocre
4/10 - Muito Fraco
3/10 - Mau
2/10 - Péssimo
1/10 - De Fugir
0/10 - Nulidade
stats counter
HTML Hit Counter
counter
links
mais comentados
25 comentários
20 comentários
13 comentários
12511335_1084470088250815_732384524_o
subscrever feeds
SAPO Blogs