Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cinematograficamente Falando ...

Quando só se tem cinema na cabeça, dá nisto ...

Cinematograficamente Falando ...

Quando só se tem cinema na cabeça, dá nisto ...

Justiça para Damien Chazelle

Hugo Gomes, 09.10.18

FB_IMG_1582589136712.jpg

Deixe-me defender o Damien Chazelle. Deixe-me sublinhar o seu nome como um dos mais jovens mais talentosos de Hollywood na atualidade. Simplesmente deixe-me, porque neste The First Man há todo um rigor no detalhe (atenção à sonoplastia), uma ambição de ir mais além do formato biopic à americana (um estudo de caracter acima do retrato dos feitos), uma aproximação dos seus dois primeiros filmes (uma fenomenologia instalada na edição) e um intimismo que o separa da gritaria bacoca. É um espetáculo sensorial. Agora deixe-me ‘amá-lo’, porque até o perdoo das “maliquices” que insere a meio.