Data
Título
Take
28.5.17

BASED_ON_A_TRUE_STORY_POSTER_70X100CM.jpg

Espaços polanskianos …

 

Como poderemos definir o cinema de Roman Polanski? Os espaços que se limitam enquanto o drama das suas personagens é dimensionalmente amplificado? Ou pelas tramas embutidas nas páginas de um livro, a criação que toma lugar frente ao seu criador? É certo que esse fascínio pelo mundo literário da última questão, representa em parte uma grande fatia do que é o cinema de Polanski, sobretudo quando o imaginário escrito assume uma materialização na ambiência do protagonista.

 

MV5BOGQ0ZDYxODMtMmNlNC00MzA3LWE4NmQtNjJkMWE5OWQxMz

 

Recordo que Johnny Depp procurou o livro do Diabo, mas foi o livro que acabou por encontrá-lo, direta ou indiretamente. Ewan McGregor procurava estrelato no seu anonimato, e sem saber tornar-se-ia uma personagem fulcral da sua ficção. Mathieu Amalric concentrava o texto de von Sacher-Masoch, esperando-o situar num palco de teatro; no virar do acto, tornou-se involuntariamente o actor desse mesmo mundo. Estes são exemplos de que o perseguido (escritor) torna-se o alvo da sua criação ou objetivo (o livro), e D'Après une Histoire Vraie (A Partir de uma História Verdadeira) não foge à regra.

 

MV5BNDc1NWMwZjYtNWVhOS00YTM3LThkMjYtYzdiMDMzZTlmMW

 

O duelo psicológico de duas mulheres que tentam debater-se na dominância social, onde por sua vez poderemos encaixar uma crise identitária. É mais um fruto de dicotomia entre criador / criação. Porém, o resultado nesta página é de um revisitar aos lugares-comuns desse cinema habitué de Polanski, o apartamento que se joga como tour de force para a entrada da sua narrativa, a obsessão que realinha a psicologia das personagens, e os livros que tomam o núcleo deste vértice, o qual chamaremos de thriller polanskiano.

 

MV5BMWQ3YTQwYmQtODRhZi00NmEzLWJhZWUtN2MzYzIyYzk4Nm

 

Emmanuelle Seigner não é uma novata neste mesmo universo e nisso é evidente na sua naturalidade com este voyeurismo (atenção leitor, não confundir com a vida privada do mesmo, discutida e debatida por diferentes meios). Todavia, é Eva Green que concentra o polo magnético desta mesma “raiz do medo”. A actriz, a joia que brilhou em The Dreamers (Os Sonhadores), de Bertolucci, cresceu e tornou-se uma mulher feita, mas a sua atitude provocatória continua em voga e os seus movimentos corporais articularam-na como uma moderna “femme fatale”. A fatalidade da sua figura, mais a vitimização de uma escritora em fraca inspiração, A Partir de uma História Verdadeira joga-se eficazmente como um trabalho de atrizes subjugadas ao olhar perverso de quem é encontra-se apto a distorções psicológicas.

MV5BZGJmY2RhOTktZjU2Zi00Y2MzLWFiY2MtZTUyMzdlYjQ0MT

 

Na teoria, eis um plano de execução à imagem de Persona, de Ingmar Bergman, o confronto existencial e mental de duas “personas” que embatem na diluição de uma só figura. Na pratica, Polanski não possui a sensibilidade de Bergman, mas sim uma depravação tremenda, cúmplice de loucuras e delírios obsessivos. Aqui o espectador duvida quanto à sua intenção e, no final, o desconhecido torna-se na resposta lógica. Infelizmente, os resultados deste caminho leva-nos a conclusões mais preguiçosas e fáceis. A dicotomia exposta converte-se na pista mais óbvia na natureza do seu twist.  

 

Filme visualizado no 70º Festival de Cannes

 

Real.: Roman Polanski / Int.: Emmanuelle Seigner, Eva Green, Vincent Perez

 

MV5BMmE3YWEzMmYtNzM1My00NmY0LWE1YzktYmFkODAyY2MyZm

6/10

publicado por Hugo Gomes às 17:10
link do post | comentar | partilhar

sobre mim
pesquisar
 
arquivos
2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


recentemente

Insyriated (2017)

Trailer: The Equalizer 2,...

Cannes: Terry Gilliam, Vo...

Brevemente ...

Arranca o ciclo «O que é ...

Quinzena dos Realizadores...

Morreu R. Lee Ermey, o sa...

Ed Sheeran em filme de Da...

Humores Artificiais vence...

Morreu VIttorio Taviani, ...

últ. comentários
Tomb Raider: 4*Este é um blockbuster bem conseguid...
Mas, sendo este caso Woody Allen já tão antigo, po...
Filme muito bom. Um tratado de sociologia/psicolog...
Notícia triste, mais um talento do qual nos desped...
Ridículo. Não são os únicos posters desta "naturez...
Takes
10/10 - Magnífico
9/10 - Imprescindível
8/10 - Bom
7/10 - Interessante
6/10 - Razoável
5/10 - Medíocre
4/10 - Muito Fraco
3/10 - Mau
2/10 - Péssimo
1/10 - De Fugir
0/10 - Nulidade
stats counter
HTML Hit Counter
counter
links
mais comentados
25 comentários
20 comentários
13 comentários
12511335_1084470088250815_732384524_o
subscrever feeds
SAPO Blogs