Data
Título
Take
14.5.11
14.5.11

A Geometria do slasher!

 

“What’s your favourite scary movie?”, frase essa que celebrizou o ressuscitar de um dos mais subvalorizados génios do terror, Wes Craven, que desde 1984 graças ao seu bem sucedido e clássico moderno do terror, A Nightmare on Elm Street, tem assistindo a descarrilar entre a falta de originalidade, a escassez de ideias e dos maus resultados que as suas obras tem oferecido. Em 1994 tenta auto-referenciar a si próprio com o “filme-dentro-do-filme” que foi New Nightmare, a sétima sequela do seu êxito de 84 que resultou num spin-off. As críticas têm sido favoráveis, mas foi um verdadeiro fracasso de bilheteira, aliás o mais fraco em termos financeiros do franchising de Freddy Krueger. Foram precisos dois anos para finalmente Wes Craven voltar á ribalta e se tornar mais do que um nome do passado em que nos trouxe Last House on the Left (1972) e The Hills Have Eyes (1977), mas sim o homem que redefiniria um género em decadência e prepara-lo para os anos que seguiam com toda a força e frescura de antes.

 

 

Falo-vos obviamente de Scream – Gritos (1996), que com um argumento de Kevin Williamson, consegue através das regras básicas do cinema slasher movie criar um reflexivo e auto-referenciar obra da mesma, onde Wes Craven se exibe com toda a sua mestria numa realização segura e equilibrada com humor e terror bem engenhoso, mas sempre com olhar para o panorama do género, principalmente na passagem dos seus anos. Assim o espectador segue com interesse ao assassino das questões que usa uma mascara de fantasma e que coloca Sidney (Neve Campbell – uma anti-scream queen) em constantes apuros. O que torna Scream especial é o seu arrojo, Craven brinca com as próprias leis do género, como se desafia-se a lei da gravidade, vai mais para além dos estereótipos e dos clichés, porém sem esquecer da coluna vertebral da mesma.

 

 

O resultado está á vista, um filme de terror que traz momentos propriamente ditos (destaque para o bem sucedido twist final) e digno de referências futuras (a sequencia inicial de 10 minutos com Drew Barrymore entrou para a historia) e algum humor negro que definirá de certa forma o resto da carreira de Craven. Contando com um elenco jovem, mas talentoso (Skeet Ulrich, o sósia de Johnny Depp de A Nightmare on Elm Street, Rose McGowan, Matthew Lillard, Jamie Kennedy, Courtney Cox, David Arquette e claro, Neve Campbell). Scream é realmente de gritos!

 

PS – o título inicial do filme seria Scary Movie, o qual foi abandonado e em 2000 foi utilizado no famoso spoof movie dos irmãos Wayans, o que de certa forma prejudicou a imagem da obra de Craven.

 

Real.: Wes Craven / Int.: David Arquette, Neve Campbell, Courtney Cox, Skeet Ulrich, Rose McGowan, Matthew Lillard, Jamie Kennedy, W. Earl Jones, Drew Barrymore, Joseph Whipp, Lawrence Hecht, Roger L. Jackson, David Booth, Liev Schreiber

 

 

Ver Também

A Nightmare on Elm Street (1984)

Wes Craven’s New Nightmare (1994)

8/10
tags: ,

publicado por Hugo Gomes às 21:32
link do post | comentar | partilhar

1 comentário:
De Frederico Daniel a 31 de Maio de 2018 às 03:02
Um dos meus favoritos 5*


Comentar post

sobre mim
pesquisar
 
arquivos
2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


recentemente

Suspiria (2018)

Colette (2018)

Carga (2018)

Raiva (2018)

Conheçam os vencedores da...

Extinção (2018)

Encontrado realizador par...

Venom (2018)

Doclisboa'18 revela toda ...

Cary Fukunaga será o real...

últ. comentários
Desculpe mas isso não faz qualquer sentido...Quand...
Acabei de ver. O de 1998 beneficiava-se do grande ...
Não percebi merda nenhuma do que escreveste, e olh...
Neste caso o director de fotografia não teve qualq...
Vi o filme ontem nos cinemas e adorei. Sendo filme...
Takes
10/10 - Magnífico
9/10 - Imprescindível
8/10 - Bom
7/10 - Interessante
6/10 - Razoável
5/10 - Medíocre
4/10 - Muito Fraco
3/10 - Mau
2/10 - Péssimo
1/10 - De Fugir
0/10 - Nulidade
stats counter
HTML Hit Counter
counter
links
mais comentados
30 comentários
25 comentários
20 comentários
12511335_1084470088250815_732384524_o
subscrever feeds
SAPO Blogs