Data
Título
Take
29.7.07
29.7.07

 

Real.: Andrew Adamson, Kelly Asbury, Conrad Vernon

Int.: Mike Myers, Cameron Diaz, Eddie Murphy, Antonio Banderas, John Cleese, Julie Andrews, Rupert Everett

 

 

 

Shrek (Mike Myers) e a princesa Fiona (Cameron Diaz), agora casados, gozam a sua lua-de-mel com grande felicidade. Mas tudo está preste a mudar, quando Shrek recebe um convite real para conhecer os pais de Fiona, que por de certo não deliciarão com o príncipe encantado da sua filha.

Criado em 2001 pela Dreamworks, alcançando um sucesso estrondoso e a mudar por completo o conceito de conto de fadas, Shrek necessitava de uma sequela, não pela historia, mas pelo confirmação do sucesso do primeiro filme. Shrek 2 por outro lado é uma sequela mais sofisticada a nível visual mas que encontra aqui uma dependência dos gags pelas referências cinéfilas ou de outros filmes, mas mesmo assim é um entretenimento para toda a família.

Entre as referencias, encontramos a mais óbvia e resultante do hilariante argumento, Meet the Parents,  a tal comédia protagonizada por Ben Stiler e Robert De Niro, um sogro com a voz de John Cleese é das novas personagensa a mais hilariantes do filme. Mesmo o célebre e promissor Gato Das Botas (com a voz de Antonio Banderas) é demasiado decorativo, sendo a personagem mais desequilibrada, apresentando gags novos, mas repetitivos durante a película. Mas não são as novas personagens que fazem sucesso neste filme, porque o sólido trio de personagens (Shrek, Fiona e o sempre hilariante Burro) irá certamente fazer as delícias dos mais novos como também dos mais velhos, com as suas fantasiosas mas ao mesmo tempo caricaturais aventuras.

Shrek 2 é um sólido filme de animação longe dos arquétipos da Disney ou da mentalidade do habitual e irritante conto de fadas, porque Shrek é exactamente o contrário, é na sua forma de ser ousado, a irreverencia é porém a sua moralidade. Uma das melhores comédias do ano, mesmo sendo um filme animado.

 

Ver Também

Shrek (2001)

Shrek, The Third (2007)

 

7/10
tags: ,

publicado por Hugo Gomes às 00:11
link do post | comentar | partilhar

2 comentários:
De filipa antunes a 21 de Maio de 2008 às 20:16
este filme e um espanto eu vi com o meu irmao.......exelente


De Ricky Torero a 17 de Julho de 2010 às 18:14
è bom, engraçado, mas o primeiro tem lugar cativo


Comentar post

sobre mim
pesquisar
 
arquivos
2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


recentemente

Braço de Ferro em Cannes,...

Yomeddine (2018)

Todos lo Saben (2018)

Os sentimentos de um louc...

Cannes arranca com segred...

Morreu Ermanno Olmi, o ve...

I'm here ... again!

Conheçam os vencedores do...

Mais pormenores sobre o n...

Novo trailer de Ant-Man a...

últ. comentários
Para mim é um dos melhores estreados em 2018, amo ...
É já de domínio público que João Botelho adaptou, ...
O sr deve apanhar cada seca no cinema. Nunca conte...
Tomb Raider: 4*Este é um blockbuster bem conseguid...
Mas, sendo este caso Woody Allen já tão antigo, po...
Takes
10/10 - Magnífico
9/10 - Imprescindível
8/10 - Bom
7/10 - Interessante
6/10 - Razoável
5/10 - Medíocre
4/10 - Muito Fraco
3/10 - Mau
2/10 - Péssimo
1/10 - De Fugir
0/10 - Nulidade
stats counter
HTML Hit Counter
counter
links
mais comentados
25 comentários
20 comentários
13 comentários
12511335_1084470088250815_732384524_o
subscrever feeds
SAPO Blogs