Data
Título
Take
2.8.09

Real.: David Yates

Int.: Daniel Radcliffe, Rupert Grint, Emma Watson, Helena Bonham Carter, David Thewlis, Robbie Coltrane, Maggie Smith, Michael Gambon, Julie Walters, Tom Felton

 

 

Muitos encontravam-se cépticos acerca do sucesso desta nova película decorrida em Hogwarts, muito por culpa de um novo fenómeno literário-cinematografico chamado Twilight, que faz suspirar milhões de jovens de todo o Mundo, que ameaçava abater o império já construído pela imaginação de J.K. Rowlings. Tal ameaça era real que a Warner Brother teve a sensata decisão de adiar a estreia do sexto capítulo do jovem feiticeiro mais famoso do Mundo, que se encontrava agendada algures entre o Inverno de 2008 para o Verão de 2009, as razões dadas pelo estúdio foi a pouca espera entre este filme e os dois últimos que se seguirão. Todavia, Harry Potter and the Half Blood Prince estreou e é já um dos maiores, se não o maior sucesso de 2009 por enquanto, mas falando na qualidade, bem, esta atrasada continuação marca alguns pontos.

O filme é dirigido por David Yates, o responsável pelo vazio de Harry Potter and the Order of the Phoenix, o quinto filme, a sua persistência nesse universo levaram muitos (incluindo eu) a duvidar do suposto potencial da fita, contudo e mesmo sendo um realizador sem identidade, a surpresa das surpresas é que este “Principe Misterioso” já reside entre as melhores aparições do Potter no cinema. Yates tal como sucedera no filme anterior, equilibra toda a lição que aprendeu nos realizadores que o antecederam, tentando assim recriar um legado universal narrativo, mas não só, ele encontra-se maduro e mais confiante o que revela que por vezes aquela câmara tem toques de génio. Outro factor que marca a adaptação do penúltimo livro é a sua veia emocional superior que qualquer outro capítulo, tal feito se verifica na cena funerária que antecede o final, uma sequência inédita do filme que se revela na execução e preocupação do drama familiar.

Harry Potter and the Order of the Phoenix é a continuação da variante da batalha entre o bem e o mal, este último liderado pelo Lord Voldemort e o seus Devoradores da Morte, quanto bem temos Dumbledore e Harry Potter, que tentam impedir as atrocidades cometidas pelo vingativo e negro feiticeiro que ameaçam quer o mundo de magia, quer o mundo Muggle (o mundo normal). O elenco regressa quase na sua tonalidade, excepto Ralph Fiennes (que se encontra ausente no papel de vilão, Voldemort) e Gary Oldman, devido ao destino da sua personagem, Sirius Black. Ainda há que contar a adição do magnífico Jim Broadbent que desempenha o professor Horace Slughorn, crucial na batalha entre Potter e Voldemort. Enquanto isso temos o regresso do trio adolescente (Daniel Radcliffe, Emma Watson e Rupert Grint) que cumprem os seus já habituais figuras como Harry Potter, Hermione e Ron Weasley, num regresso às suas tramas de puberdade enquanto cruzam com a magia e o suspense fantástico do argumento imaginado por Rowlings. Ainda temos a confirmação de Michael Gambon, que provavelmente cumpre um dos seus melhores papeis e Alan Rickman, sombrio como sempre na pele do igualmente Snape. Destaque também a evolução como actor de Tom Felton mais conhecido pelos fãs como Draco Malfoy.

Sem espaço para dúvidas, este é dos melhores capítulos da saga, muito devido às suas circunstâncias narrativas já que está no auge da sua ênfase dramática. O confronto irá perdurar mais dois anos, por enquanto saímos com um bom sabor de magia na boca. Não é perfeito, mas também não é indigno e nota-se alguma resistência narrativa.

PS – serei só eu ou o Dumbledore tem um pouco de Gandalf do O Senhor dos Anéis.

A não perder – qualquer fã que se preze e não só, já que fazem parte intrigue do cinema.

O melhor – para esquecer o vazio do anterior

O pior – para quem nunca gostou, dificilmente irá gostar

 

Recomendações – Twilight (2008), The Lord Of The Rings – The Fellowship of the Ring (2001), Star Wars Episode III – Revenge of the Sith (2005)

 

Ver Também

Harry Potter and the Prisioner of the Azkaban (2004)

Harry Potter and the Goblet of Fire (2005)

Harry Potter and the Order of the Phoenix (2007)

 

Ver Outras Fontes

Close-Up - Point-of-View Shot - Harry Potter and the Half-Blood Prince (2009)

 

 

8/10
tags: ,

publicado por Hugo Gomes às 15:25
link do post | comentar | partilhar

6 comentários:
De Marcelo Pereira a 2 de Agosto de 2009 às 21:39
Concordo com a crítica a respectiva pontuação :)


De Filipe a 3 de Agosto de 2009 às 19:18
Ainda não vi este Harry Potter.
Até agora o capítulo de Cuarón era o meu preferido.

Penso que já não vou vê-lo no cinema como tinha ambicionado, mas depois vou ao videoclube.

No geral e pelo que tenho lido, parece ser o melhor de todos. Constatarei.

Cumps.
Filipe Assis
CINEROAD - A Estrada do Cinema (http://cineroad.blogspot.com/)


De Rick Torero a 19 de Maio de 2010 às 13:54
Sou grande fã do Harry Potter, quer livros e filmes, este foi para mim atrás do Goblet of Fire um dos mais conseguidos.


De J a 30 de Maio de 2010 às 00:17
Na verdade, este filme desiludiu-me. Afundou-se num mundo demasiado adolescente e com problemas amorosos de uma típica telenovela juvenil e deixou de parte a essência do livro.
Como fã da saga, tive presença marcada no cinema, mas apenas pensei: "Harry Potter transformou-se em Morangos com Açúcar!"
Só cá faltam as férias de Verão...!


De Carla* a 24 de Junho de 2010 às 22:31
Sou uma grande fã do Harry Potter e amei o filme (: Para mim é melhor que qualquer um outro da saga Twilight... mas essa á claro a minha opinião =D

Parabéns pelo fantástico blog (=


De Gustavo a 31 de Dezembro de 2010 às 17:47
O mais fraquito da saga, n acontece praticamnete nada, é lento, lento e lento ...


Comentar post

sobre mim
pesquisar
 
arquivos
2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


recentemente

Suspiria (2018)

Colette (2018)

Carga (2018)

Raiva (2018)

Conheçam os vencedores da...

Extinção (2018)

Encontrado realizador par...

Venom (2018)

Doclisboa'18 revela toda ...

Cary Fukunaga será o real...

últ. comentários
Desculpe mas isso não faz qualquer sentido...Quand...
Acabei de ver. O de 1998 beneficiava-se do grande ...
Não percebi merda nenhuma do que escreveste, e olh...
Neste caso o director de fotografia não teve qualq...
Vi o filme ontem nos cinemas e adorei. Sendo filme...
Takes
10/10 - Magnífico
9/10 - Imprescindível
8/10 - Bom
7/10 - Interessante
6/10 - Razoável
5/10 - Medíocre
4/10 - Muito Fraco
3/10 - Mau
2/10 - Péssimo
1/10 - De Fugir
0/10 - Nulidade
stats counter
HTML Hit Counter
counter
links
mais comentados
30 comentários
25 comentários
20 comentários
12511335_1084470088250815_732384524_o
subscrever feeds
SAPO Blogs