Sábado, 30 de Agosto de 2008

Real.: Jennifer Flackett, Mark Levin

Int.: Abigail Breslin, Jodie Foster, Gerard Butler

 

 

Nim é uma menina de cerca de 10 anos que vive com o pai, o cientista Jack Rusoe (Gerard Butler) numa ilha deserta, mas paradisíaca, lá aprende a conviver com as formas de vida do local e da Natureza, mas apesar de tudo isso Nim é uma apaixonada pelas aventuras de Alex Rover, o aventureiro que narra as suas viagens em livros best-sellers. O que ela não sabe que esse mesmos são escritos no por um especialista em aventura, mas por uma escritora, Alexandra Rover (Jodie Foster) que sofre de agorafobia. Quando uma tempestade avassaladora faz com que Jack, que se encontrava no meio uma expedição, perdido no alto-mar, um bando de turistas que invadem a ilha desconhecida e um vulcão em erupção, Nim, sozinha, pede auxilio a Alex Rover para que possa remediar a complicada situação.

Simpático, colorido, mas pouco convicto, são os três adjectivos mais próprios desta incursão familiar do conceito “Naufrago” ou Robinson Crusóe que se cruza com a mitologia do caçador de tumbas ou aventureiro assim dizendo, personificada em Gerard Butler, que nos dias de hoje cada vez mais ganha o título de icon de acção e de coolness. Nim´s Island é um filme que consegue apenas sobreviver graças á ideia, mas não ao argumento, sendo esta uma proximidade do mesmo, onde somos obrigados a exclamar coisas como; “só isto?”. Ilude concretamente quem se julgava estar perante num objecto de pura aventura, tem ao seu dispor um aspirante aos inúmeros filmes Disney, com as enfadonhas gags com animais incluídas e sempre com mais rigor a nível estético que a funcional. Verdade seja dita, tudo funciona de forma tão infantil e inverosímil, mesmo sendo um filme familiar, o que não é sinónimo de imaturidade artística.

Além de mais, chega a ser um filme atractivo devido muito ao seu elenco; Abigail Breslin com a difícil missão de carregar o filme ás costas, com uma interpretação longe daquilo já visto em Little Miss Sunshine e em Definitely, Maybe, pobre nesta nova composição da menina prodígio de Hollywood, Butler aguenta bem a dualidade e para Jodie Foster, de facto, a comédia não é bem o seu forte, em certas situações a consagrada actriz de The Silence Of The Lambs se ridiculariza assim própria ao tentar manter a graça nesta psicótica escritora, mesmo que a sua presença ofereça alguns pontos a esta fita. Destaque também para a cena que a personagem agorafóbica (fobia, o qual a pessoa entra facilmente em pânico, por exemplo em espaços ao ar livre) tenta sair de casa pela primeira vez, esta sequencia protagonizada por Foster é de teor cómico, mas relembro que não há muito tempo, a actriz se envolvem naquela situação em The Brave One – A Estranha Em Mim (2007), quando depois do incidente principal da fita a personagem Erica Baine tenta sair do seu lar numa claustrofóbica e inquietante realização por parte de Neil Jordan. Mesma situação, registos diferentes, eis a referência involuntária de um filme falhado mas animado. “Fresco”, esteticamente está claro, para um serão em família, mas para o mais atento não esperem encontrar algo mais coeso e consistente.

O melhor – O elenco, mesmo que em baixo de forma

O pior – O argumento e as infelizes gags já vistas e revistas

 

Recomendações Cast Away (2000), Sahara (2005), Spy Kids 2 – The Island of the Lost Dreams (2002)

5/10 **

 


publicado por Hugo Gomes às 17:21
link do post | partilhar

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



sobre mim
pesquisar
 
arquivos
2019:

 J F M A M J J A S O N D


2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


recentemente

O pão de cada dia obriga ...

Critica - "Nós" não ficam...

Primeiras impressões: Us

Os patetas do costume

O meu Cinema é feito de M...

Maquilhagem americanizada...

Crítica: Marvel no nome, ...

Críticas: uma portuguesa,...

Primeiras reacções: Capta...

E os Óscares?

últ. comentários
Título do post muito criativo.
Legal o tema do post. Parabéns.
Aguardando. Blog bem legal!
Um luxo de actores num filme de lixo, repito LIXO....
Gostei muito da crónica. Vou acompanhar o seu blog...
Takes
10/10 - Magnífico
9/10 - Imprescindível
8/10 - Bom
7/10 - Interessante
6/10 - Razoável
5/10 - Medíocre
4/10 - Muito Fraco
3/10 - Mau
2/10 - Péssimo
1/10 - De Fugir
0/10 - Nulidade
stats counter
HTML Hit Counter
counter
links
mais comentados
30 comentários
25 comentários
20 comentários
12511335_1084470088250815_732384524_o
subscrever feeds
SAPO Blogs