5.9.15

beasts-of-no-nation_612x380.jpg

Foi revelado o primeiro trailer de Beasts of No Nation, um filme de Cary Fukunaga, o realizador da série True Detective, que foi apresentado na passada quinta-feira, dia 3 de Setembro, na 72ª edição do Festival de Veneza, e as primeiras críticas têm sido entusiasmantes. 

 

O enredo de Beasts of No Nation centra na jornada de vida de Agu, um menino-soldado que combate na guerra civil de um desconhecido país africano. Introduzido Abraham Attah como o jovem protagonista, o filme conta ainda com os desempenhos de Ama Abebrese, Richard Pepple e Idris Elba (Pacific Rim), que interpretará o comandante da milícia.

 

Os direitos de distribuição mundial de Beast of No One foram comprados pela Netflix, que tem como objectivo, depois da sua passagem em Veneza e Toronto, estrear o filme simultaneamente em sala e em video-on-demand. Decisão que tem suscitado controversas e eventuais boicotes por parte de algumas das principais cadeias de cinema norte-americano devido à provável violação da tradicional exclusividade de 90 dias de um filme nos cinemas.

 

 

Ver Também

Veneza 72: Beasts of No Nation, com Idris Elba, revela primeiro teaser trailer!

 

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.


publicado por Hugo Gomes às 13:13
link do post | comentar | partilhar

4.9.15

thelobster-xlarge.jpg

Foi divulgado o primeiro trailer de The Lobster, o mais recente filme do cineasta grego Yorgos Lanthimos (Canino), que expõe uma sociedade distópica onde ser solteiro é considerado um dos graves crimes.

 

Esta segunda colaboração com o argumentista Efthymis Filippou centra na jornada de David (Colin Farrell), um homem que após ter ficado solteiro é enviado para um hotel para encontrar um novo companheiro, se caso não o conseguir em 45 dias, é transformado num animal à sua escolha. A preferência de David é uma lagosta.

 

Apresentado no último Festival de Cannes, The Lobster [ler crítica] conta ainda com um elenco de luxo composto por Rachel Weisz, Léa Seydoux, Ben Whishaw, Michael Smiley, John C. Reilly, Ariane Labed e Angeliki Papoulia, a actriz que brilhou no ainda inédito A Blast [ler crítica].

 

Para Portugal, ainda não há estreia prevista.

 

 

Ver Também

Surpresa: Dheepan vence Palma de Ouro da 68ª edição do Festival de Cannes!

Realizador de Canino tem novo projecto ... e em inglês!

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.


publicado por Hugo Gomes às 17:04
link do post | comentar | partilhar

fullsizephoto627839.jpg

Os dilemas impostos pelas decisões!

 

Em Right Now, Wrong Then existe uma sequência em que o protagonista, Ham Chun-su (Jae-Young Jung) refere as chamadas quebras de rotina como uma viável essência para o percurso do artista. Mais tarde, revela que a ousadia é também um aditivo para esse mesmo estatuto, um estatuto que o cineasta coreano Hong Sang Soo deseja redefinir, mas que se perde no seu desde então criado conformismo. Curiosamente estes diálogos impostos pela sua personagem alusiva (visto o protagonista ser também um realizador de cinema a relembrar as suas fragilidades emocionais e matrimoniais) poderiam tão bem soar como auto-conselhos para a sua celebrada carreira, cada vez mais ascendente. Prova disso é o Leopardo de Ouro recebido na última edição do Festival de Locarno.

 

transferir.jpg

 

O filme, artisticamente falando, é tudo aquilo que esperávamos de Sang Soo, ou seja, mais do mesmo, sendo que neste caso a "pintura" denuncie uma certa renúncia dos seus tiques autorais. Provavelmente esta sua posição poderá ser encarada como um cansaço estilístico ou uma vontade de debater os trilhos percorridos até à sua consagração como cineasta. A "maldita" câmara sem objectividade, arquitectada por close-ups desleixados e de variados planos desenquadrados, é em múltiplas vezes deixada para segundo plano, revelando um interesse particular na própria história de Right Now, Wrong Then, que se assume de certa forma numa invocação de memórias intimistas e de desabafos emocionais. Hong Sang Soo instala-se em mais uma enésima revisão das gestações de relações afectivas, proclamando-as num mundo onírico de possibilidades, onde os gestos chegam a adquirir uma relevância descartável perante um destino escrito em tinta permanente.

 

tumblr_nqrwb3XQeZ1rvlgtyo3_1280.jpg

 

Como cúmplice nesta demanda ao arrependimento e às essências gastas mas recordadas do autor, temos o actor Jae-Young Jung a compor uma das personagens mais interessantes (se não a mais) deste seu universo, que chega a preencher a intriga com uma humanidade longe da habitual caricatura anexada de Hong Sang Soo. Um factor benéfico para aquela que é uma das melhores obras do realizador, e conta-se pelos dedos, dos últimos quatro anos. Nota-se sobretudo uma evolução em aproximar a obra do espectador, não com isto indicar a cedência ao mainstream, mas sim em expor-se intimamente com este.

 

Filme visualizado no âmbito da 68ª edição do Festival de Cinema de Locarno

 

Real.: Hong Sang Soo / Int.: Jae-young Jung, Min-hee Kim, Yeo-jeong Yoon

 

right-now-wrong-then.jpeg

 

 

Ler críticas relacionadas

In Another Country (2012)

Hill for Freedom (2014)

6/10

publicado por Hugo Gomes às 13:17
link do post | comentar | partilhar

The 5th Wave poster.jpg

Chloe Grace Moretz será uma sobrevivente num mundo onde a Humanidade está a vias de extinguir em The 5th Wave, um filme de J Blakeson (The Disappearance of Alice Creed) que recebe o seu primeiro trailer e poster.

 

Baseado num livro de Rick Yancey, The 5th Wave remete-nos a uma invasão alienígena que para apoderar-se do nosso planeta terá que extermina-nos, que para tal utilizam ondas de ataque. Cassie Sulivan (Chloe Moretz) sobreviveu a quatro dessas ondas, porém, a ameaça de uma quinta coloca-a na pista do seu desaparecido irmão, nem que para isso tenha que confiar num perfeito estranho.

 

Liev Schreiber, Maika Monroe, Maria Bello, Nick Robinson e Ron Livingston compõem o elenco. The 5th Wave tem estreia prevista para Portugal no dia 16 de Janeiro de 2016.

 

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.


publicado por Hugo Gomes às 11:43
link do post | comentar | partilhar

Agente da U.N.C.L.E..jpg

Coligações improváveis!

 

Depois da sofisticação executada na mais popular criação de Arthur Conan Doyle - Sherlock Holmes [ler crítica] - e a sua fracassada sequela [ler crítica], Guy Ritchie propõe um thriller "retro-tech" com base numa celebre série televisiva intitulada de The Man From U.N.C.L.E., que foi transmitida entre 1964 e 1968. Aqui, Ritchie deserda por alguns momentos o seu inconfundível toque estético que parece ter sido abatido pela caricatura no Game of Shadows (a referida sequela do seu Sherlock Holmes), porém, não abandona o seu requintado gosto musical.

 

12-the-man-from-u-n-c-l-e-armie-hammer-henry-cavil

 

The Man From U.N.C.L.E, em cumplicidade com o também recente Kingsman, aspiram a sua aparente inesgotável energia da sua colectânea musical. Colectânea essa, de uma sonoridade diversificada e sempre em sintonia com a acção envolvida. Aliás é com essa selecção que com a "camaradagem" do seu já habitual e dotado humor "british", somos brindados com várias sequências lúdicas de comédia física, ou sugestiva. Obviamente nada de totalmente absurdo como havia sido visto no seu popular Snatch: Porcos e Diamantes (2000), até porque o jogo é outro, e Ritchie concentra em deter um requisitado filme de estúdio para as audiências estivais.

 

pegasus_LARGE_t_1581_106482189.JPEG

 

Todavia, a matéria apresentada pode estar bastante fora do paladar desse mesmo público. The Man From U.N.C.L.E transpira a nostalgia, a um tratamento mais "retro" que o habitual, e o seu enredo remexe certas complexidades politicas e governamentais. Não é todos os dias que vemos uma colaboração entre a CIA e o KGB com direito a múltiplas sátiras em concordância com um choque cultura de época. Neste último ponto, ao contrário do que se previa em produções norte-americanas e da cada vez mais negra imagem atribuída à Rússia pelo resto do Mundo, a KGB ganha aos pontos contra a presunção da Inteligência Secreta dos EUA. Armie Hammer compõe um espião melhor que o Henry Cavill, que por sua vez tenta fazer-se ao papel de James Bond. O verdadeiro confronto de atributos e técnicas surge no entanto nos bastidores da missão, onde Cavill e Hammer demonstram os seus dotes de apreciadores de moda, ou quase!

 

UNCLEbar640.jpg

Mas o verdadeiro vector de pujança neste modesto e colorido filme de acção está em Alicia Vikander, a actriz sueca que brilhou em A Royal Affair [ler crítica] e no recente Ex Machina [ler crítica], transpira a um dinamismo que parece contagiar os seus "parceiros", revelando não só a destreza em atribuir alguma solidez nas suas personagens, mas também em mostrar a sua versatilidade como profissional. Só ela merecia um filme completo, contudo, The Man From U.N.C.L.E não defrauda como entretenimento passageiro e de certa maneira … vintage. É o que se quer!

 

"For a special agent, you're not having a very special day, are you?"

 

Real.: Guy Ritchie / Int.: Henry Cavill, Armie Hammer, Alicia Vikander, Hugh Grant, Elizabeth Debicki, Jared Harris

 

MFUit.jpg

6/10
tags: ,

publicado por Hugo Gomes às 04:02
link do post | comentar | partilhar

3.9.15

Sem Título.jpg

A actriz Cate Blanchett poderá interpretar Lucille Ball num filme biográfico escrito por Aaron Sorkin (The Social Network [ler crítica]). Lucille Ball foi uma celebrizada actriz norte-americana da série "I Love Lucy", uma comédia familiar que foi transmitida entre 1951 a 1957, nos dias de hoje é seguida por uma gigantesca legião de fãs.

 

Segundo o The Wrap, o filme irá focar no seu casamento com o actor Desi Arnaz, também ele protagonista de "I Love Lucy", até ao seu divórcio nos anos 60. De momento, o projecto ainda não tem realizador, titulo nem sequer data prevista de estreia.

 

Recordamos que esta não será a primeira vez que Blanchett desempenha uma antiga estrela de Hollywood, o seu primeiro Óscar como Melhor Actriz Secundária foi derivado da sua encarnação como Katherine Hepburn, no filme The Aviator, a cinebiografia do magnata Howard Hughes que foi assinado por Martin Scorsese em 2004.

 

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.

 

tags:

publicado por Hugo Gomes às 00:43
link do post | comentar | partilhar

2.9.15

4067734-5721179047-89216.jpg

A Paramount Pictures anunciou a data da sequela de Jack Reacher [ler crítica], que segundo o estúdio o novo filme de acção protagonizado por Tom Cruise chegará aos cinemas a dia 1 de Outubro de 2016.

 

Baseado numa série de livros policiais da autoria de Lee Child, Jack Reacher narra as aventuras e desventuras do homónimo e reformado policia militar. O próximo filme será inspirado pelo livro "Never Go Back" (Nunca Voltes Atrás, editado em Portugal pela Bertrand Editora), onde o protagonista chega ao Quartel General da Polícia Militar dos EUA, após ter conhecimento que o seu antigo comandante havia sido detido. Edward Zwick (Blood Diamond, The Last Samurai) será o realizador e a actriz Cobie Smulders (The Avengers) encontra-se em negociações para integrar o elenco.

 

Recordamos que o primeiro filme, dirigido por Christopher McQuarrie (apenas presente na sequela como produtor), arrecadou boas crítica e aceitação por parte do público, porém, os resultados de bilheteira ficaram um pouco aquém das expectativas. Jack Reacher apenas facturou cerca de 70 milhões de dólares nos EUA, sendo que o custo de produção ficou na casa dos 60 milhões, tendo valido o pequeno sucesso que fez no resto do Mundo, cujo total chegou aos 213 milhões de dólares. Rosamund Pike (Gone Girl) e o cineasta Werner Herzog estavam no presentes no elenco.

 

Ver Também

Jack Reacher 2 vem aí!

 

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.


publicado por Hugo Gomes às 20:00
link do post | comentar | partilhar

POSTER-VENEZIA72.png

 

Ver Também

Trailer: The Danish Girl, Eddie Redmayne a "fazer-se" novamente ao Óscar!

Veneza 72: Beasts of No Nation, com Idris Elba, revela primeiro teaser trailer!

Veneza 72: Trapero, Hooper e Kaufman em Competição!

Nuri Bilge Ceylan e Hou Hsiao-hsien entre os membros do júri do Festival de Veneza!

Filme de João Salaviza com estreia na Semana da Crítica de Veneza!

Alfonso Cuarón preside júri do Festival de Veneza!

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.


publicado por Hugo Gomes às 11:54
link do post | comentar | partilhar

1.9.15

partisan-2.jpg

Vincent Cassel (Tales of Tales [ler crítica]) vai integrar o elenco do próximo filme da saga Bourne, que marcará o regresso de Matt Damon e do realizador Paul Greengrass à franquia. Segundo a Variety, o actor irá desempenhar o vilão de serviço, um assassino contratado para perseguir Jason Bourne.  

 

Espera-se que a produção desta terceira sequela de Identidade Desconhecida (The Bourne Identity) inicie ainda neste Verão, porém, o filme está agendado estrear em Julho do próximo ano. Alicia Vikander (Ex Machina [ler crítica]), Tommy Lee JonesJulia Stiles estão também ingressados no elenco.

 

 

Ver Também

Tommy Lee Jones no próximo filme de Jason Bourne!

Vem aí uma nova versão de 1984!

Jason Bourne com Matt Damon de regresso!

 

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.

tags:

publicado por Hugo Gomes às 20:56
link do post | comentar | partilhar

danish_girl.jpg

Foi revelado o primeiro trailer de The Danish Girl, o próximo filme de Tom Hooper (The King's Speech [ler crítica]) com o oscarizado actor Eddie Redmayne (The Theory of Everything [ler crítica]) no principal papel. 

 

The Danish Girl, que terá estreia no próximo Festival de Veneza, irá centrar na intimidade e nos dilemas sexuais do dinamarquês Einer Wegener (o nome masculino de Lili Ebe), persuadido pela sua esposa, Gerda Wegener (Alicia Vikander, A Royal Affair) para posar em roupas femininas após a não comparência de uma das modelos do seu trabalho. Decorrido na década de 20, a obra acompanhará ainda a transformação do protagonista, que mais tarde, por vias de uma cirurgia genital, será considerada a primeira mulher transexual. Amber Heard, Ben Whishaw, Sebastian Koch e Matthias Schoenaerts são outros nomes que integram o elenco.

 

The Danish Girl já se encontrou nas mãos dos cineastas Tomas Alfredson (Tinker Tailor Soldier Spy [ler crítica]) e de Lasse Hallström (Chocolate), Charlize Theron e Gwyneth Paltrow havia sido cotadas para o papel de protagonista, enquanto Nicole Kidman, Rachel Weisz e Marion Cottilard foram faladas para o papel de Gerda Wegener.

 

The Danish Girl, ou A Rapariga Dinamarquesa (título que receberá em Portugal), tem estreia prevista nos nossos cinemas no dia 31 de Dezembro.

 

Ver Também

Veneza 72: Trapero, Hooper e Kaufman em Competição!

Eddie Redmayne será transsexual em The Danish Girl!

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.


publicado por Hugo Gomes às 18:27
link do post | comentar | partilhar

sobre mim
pesquisar
 
arquivos
2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


recentemente

Insyriated (2017)

Trailer: The Equalizer 2,...

Cannes: Terry Gilliam, Vo...

Brevemente ...

Arranca o ciclo «O que é ...

Quinzena dos Realizadores...

Morreu R. Lee Ermey, o sa...

Ed Sheeran em filme de Da...

Humores Artificiais vence...

Morreu VIttorio Taviani, ...

últ. comentários
Tomb Raider: 4*Este é um blockbuster bem conseguid...
Mas, sendo este caso Woody Allen já tão antigo, po...
Filme muito bom. Um tratado de sociologia/psicolog...
Notícia triste, mais um talento do qual nos desped...
Ridículo. Não são os únicos posters desta "naturez...
Takes
10/10 - Magnífico
9/10 - Imprescindível
8/10 - Bom
7/10 - Interessante
6/10 - Razoável
5/10 - Medíocre
4/10 - Muito Fraco
3/10 - Mau
2/10 - Péssimo
1/10 - De Fugir
0/10 - Nulidade
stats counter
HTML Hit Counter
counter
links
mais comentados
25 comentários
20 comentários
13 comentários
12511335_1084470088250815_732384524_o
subscrever feeds
SAPO Blogs