Data
Título
Take
16.4.08
16.4.08

Real.: Ridley Scott

Int.: Anthony Hopkins, Julliane Moore, Giancarlo Giannini, Ray Liotta, Gary Oldman

 

 

Passados 15 anos desde a incursão ao universo lecteriano por Michael Mann (Manhunter) e 10 anos do grande colosso do policial dos anos 90 (Silence Of the Lambs – Silêncio Dos Inocentes), Hannibal Lecter o psicopata canibal marcado para sempre na cinéfilía regressa nas mãos de um dos mais influentes e subestimados realizadores da actualidade, Ridley Scott, que adapta outra novela de Thomas Harris que segue o percurso do assassino em série interpretado por Anthony Hopkins, Hannibal Lecter, que depois de sair do hospital psiquiátrico, refugia-se em Florença o qual se torna professor de artes. Enquanto isso Mason Verger (Gary Oldman), um milionário e vítima do “professor” Lecter reúne uma caçada ao mesmo para que possa por em prática os seus planos de vingança, pondo como isco Clarice Starling (Julliane Moore), o único ponto fraco de Hannibal.

Tendo um teor mais romanesco que os anteriores, explorando concretamente a relação entre Hannibal e Clarice como fossem um casal de apaixonados, mas de raízes menos platónicas, o filme de Ridley Scott segue da raiz, o filme de Demme, descartando qualquer artifício que reivindique o suspense de terror e o ambiente de aflição que caracterizava o galardoado filme de 1991, aqui substitui esse horror psicológico por um thriller de modelos mais classicistas que por sua vez combina com a igualmente banda sonora. Hannibal Lecter está mais rico de cenários, dito mais exótico e menos adulto, o terror provêm apenas das cenas de puro gore e não da trama, o que resume a Anthony Hopkins (brilhante como sempre) num vulgaríssimo slasher killer com alguma classe.

O elenco encontra-se razoavelmente bem, Hopkins já havia dito, desempenha o seu Hannibal na perfeição, Giancarlo Giannini com carisma suficientemente forte, aliás o seu confronto com Hopkins é um dos momentos mais altos do filme, Gary Oldman irreconhecível, Ray Lliota demasiado secundário e Julliane Moore como erro de casting. Tendo Jodie Foster declinado o seu papel de Clarice nesta nova versão com medo daquilo que a sua personagem poderia a tornar-se, Moore atribui á personagem uma frieza inexistente em Silêncio Dos Inocentes, mais calculista e mais estereotipa é o que se pode adjectivar esta incursão mais violenta da personagem homenageada na Gala dos Óscares de 1991 (Jodie Foster – vencedora do Óscar de Melhor Actriz com este papel). Sem ser mau filme, Hannibal cumpre na perfeição de um passageiro divertimento macabro, o actor (estrela) justifica a visualização, mas o seu maior ponto fraco é mesmo dizer que o filme de Scott é uma sequela do imponente O Silêncio Dos Inocentes.

O melhorAnthony Hopkins igual a si mesmo

O piorJodie Foster por Julliane Moore

 

 

"Hannibal" - 8 estrelas. "Só a presença de Anthony Hopkins é esmagadora. Uma diferente forma de vermos a mente genial de um serial-killer, que resulta plenamente, num estilo cinematográfico muito próprio. Uma lenda entre os mitos dos serial-killers." Ante-Cinema

 

 

 -

6/10
tags: ,

publicado por Hugo Gomes às 19:19
link do post | comentar | partilhar

sobre mim
pesquisar
 
arquivos
2019:

 J F M A M J J A S O N D


2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


recentemente

Sempre iluminado!

«Vitalina Varela»: a noit...

Terminator: Dark Fate - o...

No Country for Old Women

«Il Traditore»: a máfia m...

Porquê ver Mutant Blast? ...

Quote #12: Ventura (Vital...

Feios, Porcos e Maus: epi...

Na Netflix, nem tudo é or...

Primeiras Impressões: «Te...

últ. comentários
escadas moduladas
receita de chicha morada peruana
Chamar uma desentupidora!
Takes
10/10 - Magnífico
9/10 - Imprescindível
8/10 - Bom
7/10 - Interessante
6/10 - Razoável
5/10 - Medíocre
4/10 - Muito Fraco
3/10 - Mau
2/10 - Péssimo
1/10 - De Fugir
0/10 - Nulidade
stats counter
HTML Hit Counter
counter
links
mais comentados
31 comentários
25 comentários
20 comentários
12511335_1084470088250815_732384524_o
subscrever feeds
SAPO Blogs