Data
Título
Take
25.7.07

 

Real.: P.J. Hogan

Int.: Jason Isaacs, Jeremy Sumpter, Rachel Hurd-Wood

 

 

Esta é a historia de Peter Pan (Jeremy Sumpter) um menino que não cresce, voa, brinca e vive na magica Terra Do Nunca. Mas também é lar do temível Capitão Gancho (Jason Isaacs) que é obcecado em destruir Peter Pan, devido a um incidente com a sua mão.

O cinema fantástico regressou em todo o seu auge, nos tempos em que qualquer mundo imaginário é possível ser criado através da animação digital, elevou-se filmes de fantasia tão bem sucedidos como tão inovadores como O Senhor Dos Anéis e Harry Potter. Por isso recriar Peter Pan em imagem real não é má ideia de todo, já adaptado varias vezes para o grande ecrã, como no ignorado Hook de Steven Spielberg e nos dois filmes animados da Disney, porém este Peter Pan é de todos o mais negro, como também o mais adulto. Mas não por isso o mais brilhante.

Este Terra Do Nunca é demasiado denso para os mais jovens, que apenas contentaram com o delírio visual, para os mais velhos é uma reflexão do peso da idade, basicamente é isso, Peter Pan de P.J. Hogan é mais acessível aos adultos que propriamente um filme de crianças e é nisso que o filme consegue vingar, porque de resto é tudo um desequilíbrio de aventura e a inevitavel ausencia de algum humor, tudo o resto está tão pouco palpável, os sentimentos são irrisórios e por mais imaginação que o espectador têm é difícil conseguir ser seduzindo por este sonho molhado que nem aspiração a Tim Burton possui.

Apesar de aqui, Peter Pan ganhar um novo fôlego, esta aventura fantástica é um pesado filme que decerto não ficará na memória, contudo a fotografia é colorida e simpática, um capitão gancho que é a única personagem verdadeiramente sólida e uma profunda reflexão filosófica que "cai" de pára-quedas para o final, mas a tempo. Um insólito filme de fantasia, mas um pouco desequilibrado e devido a isso perde-se aqui uma oportunidade, um fracasso de ideias.

 

5/10
tags: ,

publicado por Hugo Gomes às 16:03
link do post | comentar | partilhar

sobre mim
pesquisar
 
arquivos
2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


recentemente

Braço de Ferro em Cannes,...

Yomeddine (2018)

Todos lo Saben (2018)

Os sentimentos de um louc...

Cannes arranca com segred...

Morreu Ermanno Olmi, o ve...

I'm here ... again!

Conheçam os vencedores do...

Mais pormenores sobre o n...

Novo trailer de Ant-Man a...

últ. comentários
Para mim é um dos melhores estreados em 2018, amo ...
É já de domínio público que João Botelho adaptou, ...
O sr deve apanhar cada seca no cinema. Nunca conte...
Tomb Raider: 4*Este é um blockbuster bem conseguid...
Mas, sendo este caso Woody Allen já tão antigo, po...
Takes
10/10 - Magnífico
9/10 - Imprescindível
8/10 - Bom
7/10 - Interessante
6/10 - Razoável
5/10 - Medíocre
4/10 - Muito Fraco
3/10 - Mau
2/10 - Péssimo
1/10 - De Fugir
0/10 - Nulidade
stats counter
HTML Hit Counter
counter
links
mais comentados
25 comentários
20 comentários
13 comentários
12511335_1084470088250815_732384524_o
subscrever feeds
SAPO Blogs