Data
Título
Take
27.12.16

NEEIWTkRj7adIE_1_b.jpg

 

Morreu Carrie Fisher, a imortalizada Princesa Leia da saga Star Wars. A actriz não resistiu a uma paragem cardíaca durante um voo entre Londres e Los Angeles, na passada sexta-feira (23 de Dezembro). Tinha 60 anos.

 

Nascida a 21 de Outubro, de 1956, em Los Angeles, Carrie Frances Fisher, filha dos também artistas Eddie Fisher e Debbie Reynolds, surgiu pela primeira vez nos ecrãs em 1969 durante o especial de TV, Debbie Reynolds and the Sound of Children. A sua estreia oficial deu-se em 1975, com a obra de Hal Ashby, Shampoo, um romance que envolvia cabeleireiros e dias de eleições com Warren Beatty e Julie Christie. Longe estava de imaginar que a sua experiência num filme chamado Star Wars, em 1977, um space opera de George Lucas, seria um autêntico fenómeno cinematográfico. Fenómeno esse, que converteu a actriz, assim como a sua personagem, Princesa Leia, em ícones, não só da ficção cientifica como do cinema contemporâneo.

 

star_wars_trailer3-620x412.jpg

 

A sua fama cresceu com as sequelas dessa jornada intergaláctica, Empire Strike Back (1980) e Return of Jedi (1983), intercalados por alguns telefilmes e outras produções cinematográficas como O Dueto da Corda (The Blue Brothers, 1980) e Under the Rainbow (1981). Nos anos 90, a sua presença foi reduzida a cameos ou personagens secundarizadas, tendo como principal relevância Um Amor Inevitável (When Harry Met Sally …, 1989) e Scream 3 (2000). Condição que prolongou-se no século XXI, tendo sido quebrada com um regresso à saga que lhe colocou no estrelato, o episódio VII de Star Wars, The Force Awakens, em 2015 por J.J. Abrams.

 

As suas últimas participações foram, nos ainda inéditos, Star Wars: Episode VIII e Wonderwell, Vlad Marsavin. Para além de actriz, Carrie Fisher foi também escritora, tendo como principal publicação o livro  autobiográfico, Postcards From The Edge, que recebeu uma adaptação em 1990 pelas mãos de Mike Nichols, protagonizado por Meryl Streep e Shirley MacLane.

 

Carrie Fisher (1956 - 2016)


publicado por Hugo Gomes às 18:05
link do post | comentar | partilhar

1 comentário:
De Star Wars a 26 de Janeiro de 2017 às 09:21
sempre viva! Maravillosa Leia.


Comentar post

sobre mim
pesquisar
 
arquivos
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


recentemente

"Life find a way": Traile...

Ryan Reynolds será Pikach...

Quentin Tarantino vai rea...

Novo trailer de Bad Inves...

No Escurinho do Cinema: a...

Conheçam os vencedores do...

Isle of Dogs abre 68º Fes...

Vem aí mais um filme sobr...

"Qualquer cinema que exib...

Cinema português recomend...

últ. comentários
I bought Raytheon on this site, I do not know whet...
Muito ansioso, especialmente por ser do Wes Anders...
ou seja, uma bosta de comentario de quem nao enten...
Obrigado pelo reparo, corrigido ;)
Bonitas palavras, Hugo! O filme foi, de facto, mui...
Takes
10/10 - Magnífico
9/10 - Imprescindível
8/10 - Bom
7/10 - Interessante
6/10 - Razoável
5/10 - Medíocre
4/10 - Muito Fraco
3/10 - Mau
2/10 - Péssimo
1/10 - De Fugir
0/10 - Nulidade
stats counter
HTML Hit Counter
counter
links
mais comentados
25 comentários
20 comentários
13 comentários
12511335_1084470088250815_732384524_o
subscrever feeds
blogs SAPO