Data
Título
Take
16.5.16

American Honey.jpg

 

Na rota do Novo Mundo!

 

Andrea Arnold estreia em terras norte-americanas com esta "road-trip" sob toques coming-to-age centrado numa América profunda, os EUA "white trash" onde residem os potenciais apoiantes das campanhas eleitorais de Donald Trump. Mas este American Honey, título inspirado numa música de Lady Antebellum, está acima de qualquer ideologia politica. Aliás, de ativismo nada tem, apenas rebeldes sem causa, quase enxertados dos filmes de Nicholas Ray ou do tremendo Badlands, de Terrence Malick (uma provável inspiração), onde o percurso vale mais que o seu próprio destino, se no caso de existir algum...

 

thumb_5177_media_image_586x370.jpg

 

Arnold tem uma "queda", uma fascinação por criaturas raras, personagens que dificilmente captam a simpatia do público. Quando o conseguem, este é um efeito dignamente carnal. São estes jovens que acompanhamos impulsivamente numa direção algo intrusiva e "empestada" por uma colectânea musical que atribui o espírito indomável e hedonista ao grupo. No centro desta jornada a "nenhures", Star (Sasha Lane), uma rapariga de 18 anos, decide certo dia, após o contacto com um grupo de jovens viajantes, largar a sua vida "aprisionada" numa família disfuncional e desfragmentada para embarcar no desconhecido. O desconhecido leva-a a várias cidades do interior dos EUA, tendo como objetivo desta mesma viagem em "família", a venda de inscrições para revistas, uma tarefa inicialmente difícil para Star devido à sua perturbada natureza.

 

708.jpg

 

Depressa o grupo revela-se numa espécie de tribo, conduzido por regras e "tradições", sendo que entre elas contam-se a imperativa reação a uma música da Rihanna, ou o combate, algo agressivo, dos dois membros mais fracos desse mesmo grupo, tudo em concordância com uma ordem, ou um desordem marginal como quiserem apelidar. O espectador fica a mercê desta "mini-sociedade", "irmãos de sangue e de sémen" sem qualquer perspectiva sócio-politica, até porque a grande veneração aqui é "gozar" os curtos anos de jovialidade, a "frescura" de um mundo ainda por descobrir e de sentimentos ainda por sentir. Serão estes os "meninos perdidos" de Peter Pan?

 

1401x788-american-honey00.jpg

 

Se o grupo é isento de qualquer resistência, seja ela qual seja, já Andrea Arnold tenta a espaços colmatar as suas ideias, reduzido-as a aspetos cénicos, técnico e sensoriais. Os imensos point-of-view de insectos estabelecem um ponto de contacto com uma sociedade indulgente e futílmente insignificante, e a relação destes com a protagonista provam a sua gradual procura intrínseca, no final a "coisa" evolui, entre as suas mãos já não existe invertebrados, mas sim uma tartaruga como símbolo de uma nova etapa na ainda "verde" vida.

 

AmericanHoney.jpg

 

No meio desta jornada, ainda deparamos com uma curiosa sequência que liga a Star com o seu lado mais afetivo e emocional, tudo ao som de Bruce Springsteen e o seu "Dream, Baby, Dream", o provável único momento em que o espectador tem a certeza absoluta que a nossa protagonista é mais que uma somente adolescente vazia quase dilacerada de Spring Breakers, de Harmony Korine. Talvez seja algo mais, porém, a sociedade não auxilia qualquer desenvolvimento nas questões da sua identidade. Para finalizar, Shia LaBeouf está em grande, provando que Hollywood não é o único caminho para a eventual imortalização.

 

Filme visualizado na 69ª edição do Festival de Cannes

 

Real.: Andrea Arnold / Int.: Sasha Lane, Shia LaBeouf, McCaul Lombardi, Arielle Holmes, Riley Keough

 

90.jpeg

 

8/10

publicado por Hugo Gomes às 00:51
link do post | comentar | partilhar

sobre mim
pesquisar
 
arquivos
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


recentemente

The Shape of Water (2017)

Wonder Wheel (2017)

Molly's Game (2017)

"Life find a way": Traile...

Ryan Reynolds será Pikach...

Quentin Tarantino vai rea...

Novo trailer de Bad Inves...

No Escurinho do Cinema: a...

Conheçam os vencedores do...

Isle of Dogs abre 68º Fes...

últ. comentários
Uma das maiores surpresas do ano, mesmo sendo do W...
I bought Raytheon on this site, I do not know whet...
Muito ansioso, especialmente por ser do Wes Anders...
ou seja, uma bosta de comentario de quem nao enten...
Obrigado pelo reparo, corrigido ;)
Takes
10/10 - Magnífico
9/10 - Imprescindível
8/10 - Bom
7/10 - Interessante
6/10 - Razoável
5/10 - Medíocre
4/10 - Muito Fraco
3/10 - Mau
2/10 - Péssimo
1/10 - De Fugir
0/10 - Nulidade
stats counter
HTML Hit Counter
counter
links
mais comentados
25 comentários
20 comentários
13 comentários
12511335_1084470088250815_732384524_o
subscrever feeds
blogs SAPO