Data
Título
Take
24.3.17

brettr_a.jpg

O realizador Brett Ratner, responsável pela trilogia Rush Hour e de X-Men: The Last Stand, declarou à Entertainment Weekly, durante a sua passagem no Sun Valley Film Festival, que a indústria cinematográfica encontra-se ameaçada pela Rotten Tomatoes, o famoso agregador de críticas: "A pior coisa que temos na cultura cinematográfica de hoje é o Rotten Tomatoes. Acho que é a destruição do nosso negócio". 

 

O realizador argumentou, revelando que possuía respeito e admiração pela crítica: "Tenho tanto respeito e admiração pela crítica cinematográfica. Quando eu estava a crescer, a crítica de cinema era uma arte real. Era uma tarefa munida por algum intelecto. E você lia as críticas da Pauline Kael, ou de outros, e isso não existe mais. Agora é sobre um número. Um número composto de positivas contra negativas. O que se pergunta actualmente é 'Qual a tua pontuação no Rotten Tomatoes?'."

 

BVS1.0.0.jpg

 

Ratner deu ainda o exemplo de Batman V Superman, o filme de Zack Snyder que a sua produtora, a RatPac, co-financiou e que foi prejudicado pela más críticas, e sobretudo pela baixa pontuação no referido site. “As pessoas não percebem o que acontece ao fazer um filme daqueles. É de loucos, danifica o negócio, leva as pessoas a não verem um filme. Há casos na América em que se diz 'Oh, tem uma pontuação baixa no Rotten Tomatoes, por isso não vou ver, não deve prestar'. O que não entendem é que esse numero é uma agregação e muitos não sabem o que isso significa, e nem sempre está correcta. Já vi grandes filmes com pontuações abismais no Rotten Tomatoes. O mais triste é que a crítica de cinema está a desaparecer. Isso sim, é triste

 

Recordamos ainda que Brett Ratner não é a única voz contra o sistema de agregação de crítica. Em entrevista ao Cinematograficamente Falando …, o crítico Jonathan Rosenbaum declarou que o Rotten Tomatoes, assim como as pontuações do IMDB estão a transformar "o cinema num desporto". A entrevista completa poderá ser lida aqui.

 

 Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.

 

tags:

publicado por Hugo Gomes às 17:56
link do post | comentar | partilhar

sobre mim
pesquisar
 
arquivos
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


recentemente

Novo filme de Roman Polan...

James Gray vai para o esp...

Sequela de Split recebe o...

Morreu Jonathan Demme, re...

Paul Verhoeven prepara fi...

Divulgado júri completo d...

Guardians of the Galaxy V...

Clint Eastwood terá mais ...

La Chiesa (1989)

Captain Marvel já tem rea...

últ. comentários
Se a Disney tem " daddy issues" voce aparenta ter ...
"Será que vemos em Guardiões da Galáxia os ensinam...
Este filme promete. Já é uma pena que se façam seq...
A década de 90 foi uma das melhores, mas especific...
Juntamente com Terminator 2 e com The Matrix, Jura...
Takes
10/10 - Magnífico
9/10 - Imprescindível
8/10 - Bom
7/10 - Interessante
6/10 - Razoável
5/10 - Medíocre
4/10 - Muito Fraco
3/10 - Mau
2/10 - Péssimo
1/10 - De Fugir
0/10 - Nulidade
stats counter
HTML Hit Counter
counter
links
mais comentados
25 comentários
20 comentários
13 comentários
12511335_1084470088250815_732384524_o
subscrever feeds
blogs SAPO