Data
Título
Take
21.1.13

Um filme arbitrário!

 

O universo de alta finança de Arbitrage é transmitido de uma forma ambígua que mesmo sob as más intenções e escolhas nos faz torcer pela personagem de Richard Gere que durante a narrativa se revela cada vez mais “um verdadeiro sacana” que qualquer um poderia odiar sem problemas. Dirigido por Nicholas Jarecki (da curta-metragem The Weight de 2009) eis uma trama de consequências caóticas de um dono de uma companhia de investimentos, Robert Miller (Richard Gere num dos seus melhores desempenhos) que se depara no meio da investigação de homicídio involuntário enquanto é acusado por fraude fiscal.

 

 

Arbitrage – A Fraude noutros rumos e noutras mãos poderia desenvolver numa intriga actual, polémica e visceral, porém é atingido pelo conceito de espectáculo automático, ou seja, somos induzidos a ingredientes dignos dos lugares-comuns do thriller que não conseguem apimentar nem complexar a fita como também a tornou menos credível e mais fantasiosa. Se Nicholas Jarecki, que também contribuiu para o guião, tivesse simplesmente focado na trama da fraude e dos seus efeitos na vida de Miller como uma alusão á crise social financeira ou invés de recriar uma dissecação aos dilemas morais do protagonista, Arbitrage resultaria em algo mais discreto, calmo, inteligente e provavelmente menos novelesco.

 

 

 

E é pena tendo em conta o potencial da fita e do elenco que o serve, Richard Gere como já havia referido, é simbiótico na pele desta figura arbitrária e trapaceira enquanto Susan Sarandon, Tim Roth, Brit Marling e Nate Parker dão suporte necessário no secundário. Um filme decepcionante que merecia um diferente trilho!

 

“When I was a kid, my favorite teacher was Mr. James. Mr. James said world events all revolve around five things. M - O - N - E - Y.”

 

Real.: Nicholas Jarecki / Int.: Richard Gere, Susan Sarandon, Laetitia Casta, Tim Roth, Brit Marling, Nate Parker



 

5/10
tags: ,

publicado por Hugo Gomes às 21:26
link do post | comentar | partilhar

sobre mim
pesquisar
 
arquivos
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


recentemente

A Liga da Justiça decepci...

Primeiro vislumbre da seq...

Arranca o 11º LEFFEST – L...

The Square (2017)

Pedro Pinho avança com no...

Justice League (2017)

Hitman será série de tele...

Vem aí novo spin-off de S...

Afinal vai mesmo haver sé...

Gal Gadot recusa fazer Wo...

últ. comentários
Nice. Ansioso por ler a crítica e a entrevista ent...
Rapaz, o Lucky já o vi em visionamento de imprensa...
Em quais sessões estás interessado? Amanhã vou ver...
Ando por lá, sim, nem que seja só para entrevistas...
Aquela música, meu! Voltei a ser criança. Hugo, pe...
Takes
10/10 - Magnífico
9/10 - Imprescindível
8/10 - Bom
7/10 - Interessante
6/10 - Razoável
5/10 - Medíocre
4/10 - Muito Fraco
3/10 - Mau
2/10 - Péssimo
1/10 - De Fugir
0/10 - Nulidade
stats counter
HTML Hit Counter
counter
links
mais comentados
25 comentários
20 comentários
13 comentários
12511335_1084470088250815_732384524_o
subscrever feeds
blogs SAPO