Data
Título
Take
26.2.15

monstra.jpg

Faltam cerca de duas semanas para que a MONSTRA: Festival de Cinema de Animação de Lisboa arranque, mas a festa de antecipação decorrerá já neste fim-de-semana, sob um especial gosto de comemoração dos 15 anos de vida do Festival.

 

A partir de amanhã, dia 27 de Fevereiro, serão expostos na Fabrica do Braço de Prata, todos os cartazes que acompanharam a longevidade do evento. Às 22h30 desse mesmo dia, para além de uma programada retrospectiva, poderemos contar com as prestações dos músicos Júlio Resende, o acordeonista João Gentil, a Orquestra Libertina e ainda um Dj Set com Le Cirque du Freak. A exposição estará patente até ao final de Março.

 

No sábado, dia 28 de Fevereiro, pelas 19h30 no Jardim da Estrela, serão projectados alguns filmes da mostra Monstrinha, um conjunto de trabalhos direccionados para toda a família, com especial consideração para com os mais novos. Enquanto no Largo do Intendente, vão ser exibidas algumas curtas-metragens da competição.

 

MONSTRA: Festival de Cinema de Animação de Lisboa decorrerá entre os dias 12 a 22 de Março. Este ano o evento comemora década e meia de vida apresentando uma das programações mais ambiciosas da história do Festival, tendo como principais destaques uma mostra de animação japonesa e a presença de alguns dos mestres dos estúdios Aardman.

 

Ver Também    

Marionetas e Cinema no Museu da Marioneta!

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.


publicado por Hugo Gomes às 21:42
link do post | comentar | partilhar

0efc9c68574b9aef02efc3d1c65eec34.jpg

O novo filme da realizadora e professora Margarida Cardoso, Yvone Kane, que chegou esta semana às salas de cinema, vai contar com duas sessões especiais nos dias 28 de Fevereiro (19h00) e 3 de Março (21h30), no Espaço Nimas, Lisboa. Ambas as sessões contarão com a presença da realizadora, que para além de apresentar o seu último trabalho, também integrará um debate em conjunto com outros convidados.

 

Yvone Kane marca o regresso da realizadora a Moçambique, 10 anos depois da sua primeira longa-metragem, A Costa dos Murmúrios, a homónima adaptação de um livro de Lídia Jorge. Neste filme seguimos Rita (Beatriz Batarda), uma portuguesa que após a trágica morte da sua filha, retorna ao país africano que acolheu a sua infância. Porém, o seu retorno tem um propósito, investigar a morte de uma ex-guerrilheira e activista, a referida Yvone Kane. Francilia Jonaze, Gonçalo Waddington, Irene Ravache e Samuel Malumbe são outros nomes que integram o elenco.

 

Yvone Kane teve estreia mundial no passado Festival Internacional de Cinema do Rio de Janeiro.

 

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.

 


publicado por Hugo Gomes às 21:09
link do post | comentar | partilhar

D83A1B268B014DBD8C561A249700FA5C.jpg

A série American Horror Story terá uma nova aquisição. A artista musical Lady Gaga vai integrar a quarta temporada da série televisiva que tem batido recordes de audiências do canal FX. American Horror Story é uma antologia de referências ao género de terror, em que cada temporada, somos remetidos a um novo e sinistro cenário. Jessica Lange, Kathy Bate, Sara Paulson e Michael Chicklis são alguns dos nomes que marcaram presença no programa.

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.


publicado por Hugo Gomes às 19:00
link do post | comentar | partilhar

tomb_raider_header.jpg

O famoso videojogo Tom Raider, vai receber uma nova adaptação cinematográfica. A Warner Bros. vai unir esforços com a MGM para regressar a personagem Lara Croft ao grande ecrã. O argumentista Evan Daugherty (Snow White and the Hunstman) será o autor desta reinvenção, que segundo as fontes, apresentará uma protagonista mais nova e provavelmente a viver a sua primeira aventura. A GK Films também estará envolvida no projecto, visto ter tentado obter os direitos do videojogo em 2011.

 

Recordamos que Tom Raider, criada pela Eidos em 1996, nos remete a uma arqueóloga, Lara Croft, astuta e atlética que vive aventuras idênticas ao de Indiana Jones (o qual foi sempre comparado). Gerou duas adaptações cinematográficas, ambas protagonizadas por Angelina Jolie, em 2001 e 2003.

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.

tags:

publicado por Hugo Gomes às 09:09
link do post | comentar | partilhar

25.2.15

Insurgent2-860x442.png

Foi revelado o trailer final de Insurgent, a sequela de Divergent, de Neil Burguer, que por sua vez é a adaptação do segundo livro da saga literária escrita por Veronica Roth, composto por três volumes (o último, Allegiant, será dividido em dois filmes). Neste universo imaginado somos levados a uma Chicago distópica, onde os humanos são divididos em fracções com intuito de evitar eventuais conflitos. Contudo, existem certos indivíduos que possuem várias aptidões, assim correspondendo a múltiplas fracções.  Beatrice (Shailene Woodley) é uma delas, uma considerada ameaça à sociedade que habita. Realizado por Robert Schwentke (R.I.P.D., RED), Insurgent é composto por um elenco (para além da protagonista) formado por Theo James, Octavia Spencer, Jai Courtney, Ray Stevenson, Zoë Kravitz, Miles Teller, Ansel Elgort, Maggie Q, Mekhi Phifer, Naomi Watts e Kate Winslet. Estreia 26 de Março de 2015 em Portugal.  

 

 

Ler Crítica Relacionadas

Divergent (2014)

 

Ver Também

Insurgent, a sequela de Divergent, divulga o seu TV Spot da Super Bowl

Insurgent, a sequela de Divergent com novo trailer e poster!

Primeiro teaser trailer de Insurgent, sequela de Divergent!

Insurgent, sequela de Divergent dá sinais de vida (vejam os posters!)

Convergent será dividido em dois filmes!

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.


publicado por Hugo Gomes às 20:45
link do post | comentar | partilhar

11021259_10153128394042354_6953175163369506461_n.j

 

Ver Também

A 8 ½ Festa do Cinema Italiano projectará cópia restaurada de Cinema Paraíso!

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.


publicado por Hugo Gomes às 19:21
link do post | comentar | partilhar

four-new-clouds-of-sils-maria-photos-kristen-stewa

 

Depois de ter conquistado o César, os prémios atribuídos pela Academia Francesa, por Sils Maria, de Olivier Assayas, tornando-se a primeira actriz norte-americana a receber tal distinção, Kristen Stewart irá integrar uma nova produção francesa. Porém, não existe nenhuma informação sobre a natureza, nem pormenores sobre o projecto. Segundo a Variety, Stewart poderá voltar a trabalhar com Assayas, visto que a actriz não desmentiu nem confirmação após ter sido confrontada com a questão de uma nova colaboração.  

 

Ver Também

Césars 2015: Kristen Stewart faz História, Timbuktu é o grande vencedor!

Vem aí uma nova versão de 1984!

Kristen Stewart em Guantanamo (primeiro trailer de Camp X-Ray)

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.

tags:

publicado por Hugo Gomes às 19:18
link do post | comentar | partilhar

Sem Título.jpg

As actrizes Jessica Chastain e Emily Blunt juntarão a Chris Hemsworth e a Charlize Theron na prequela de Snow White and the Hunstman. A obra será realizada por Cedric Nicolas-Troyan (Frank Darabont esteve cotado para o cargo), que fora o supervisor dos efeitos visuais do filme anterior, e centrará no confronto entre o Caçador (Hemsworth) e a feiticeira Ravena (Charlize Theron), tempos antes do aparecimento de Branca-de-Neve (no filme de 2012 interpretado por Kristen Stewart). Estreia prevista para Abril de 2016.

 

Ler Críticas Relacionadas

Snow White and the Huntsman (2012)

 

Ver Também

Frank Darabont realizará prequela de Snow White and the Huntsman!

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.

tags:

publicado por Hugo Gomes às 10:35
link do post | comentar | partilhar

24.2.15
24.2.15

Tak3n.jpg

“One down, more to go!”

 

A hipérbole do controlo parental, Taken, resultou num inesperado sucesso de bilheteira, em termos cinematográficos assumiu-se como um filme de acção, que apesar de longe dos lugares-comuns e da previsibilidade, ostentava um ritmo invejável sob uma narrativa quase minimalista. Esse sucesso, como é óbvio na industria cinematográfica, gerou uma sequela em 2012, que não foi mais que um auto-plágio, uma repetição das formulas que deram o êxito ao filme de 2008.

 

transferir.jpg 

Desta vez sem Pierre Morel na realização, mas com Olivier Megaton no serviço, três anos depois eis que surge o terceiro, o Confronto Final, segundo o titulo português, o qual se espera encerrar um franchising com uma chama de pouca duração. O mais pretensioso dos três filmes, Taken 3 tenta incutir um teor mais trágico e dramático à fasquia e como troca de tal vertente é a sua perda de ritmo, que vem com anexo, todos os elementos o qual identificamos as "aventuras" de Bryan Mills, o homem mais azarado do cinema deste John McClane.

 

taken-3-1.jpg

 

Nesta sua demanda, desta vez sem sequestros mas conduzido por uma vingança pessoal, o enredo troca Paris e Istambul, o exótico europeu, por terras do tio Sam, e em compensação temos a banalidade do cinema norte-americano de acção com os russos como os vilões de serviço (é uma previsibilidade de tal tamanho que se torna insuportável) e uma descarada substituição dos toques à la Liam Neeson por sequências de acção sem um pingo de genialidade, para dizer a verdade, actualmente assistimos mais genica nas série de TV. O actor está cansado desta “brincadeira” de “bang bang”, assim como o espectador que já não encara com seriedade todo este forçado enredo. A juntar a isto temos um inútil Forest Whitaker a rever o rumo da sua carreira em queda livre.

 

Taken-3_Fox.jpeg

 

Provavelmente a única coisa que poderemos reconhecer como Taken são os breves momentos em que Neeson explica à sua filha que está inserido numa cilada, previsivelmente por vias do telefone. De resto, é mais do mesmo, e menos do que aquilo que poderíamos contar. Depois deste tomo Luc Besson (o produtor) deveria seriamente avançar noutro franchising, porque este está definitivamente morto e enterrado. 

 

"I know you know a lot of people, and with a good lawyer you'll get out of jail in a few years. And then I'll come for you. I'll find you, and we both know what's gonna happen."

 

Real.: Olivier Megaton / Int.: Liam Neeson, Forest Whitaker, Maggie Grace, Famke Janssen, Dougray Scott

 

taken_3_2015_movie-wide.jpg

 

Ler Críticas Relacionadas

Taken (2008)

Taken 2 (2012)

3/10
tags: ,

publicado por Hugo Gomes às 20:20
link do post | comentar | partilhar

10991177_865729330151741_8911941536980042752_n.jpg

 

 

Ler Críticas Relacionadas

Guardians of the Galaxy (2014)

Iron Man (2008)

Iron Man 2 (2010)

Iron Man 3 (2013)

Hulk (2003)

The Incredible Hulk (2008)

Thor (2011)

Thor: The Dark World (2013)

Captain America: The First Avenger (2011)

Captain America: The Winter Soldier (2014)

The Avengers (2012)

 

Ver Também

The Avengers: Age of Ultron! Mais um novo trailer!

Vejam o primeiro trailer de Ant-Man!

Sem grandes rodeios, eis o novo poster de Ant-Man!

Al Pacino num filme da Marvel?

James Gunn considera os Universos Partilhados como um risco de produção!

Daniel Bruhl em Captain America: Civil War

Novo trailer de The Avengers: Age of Ultron

Marvel revela títulos, datas e novidades de próximos filmes!

Doctor Strange vai ser interpretado por Benedict Cumberbatch

The Avengers 2: O primeiro teaser trailer!

Robert Downey Jr. no terceiro filme de Capitão América!

Wesley Snipes será novamente Blade!

Primeira imagem de Paul Rudd como Ant-Man!

The Avengers: Age of Ultron, novas imagens reveladas!

Primeiro vislumbre de Ultron de The Avengers 2!

Josh Brolin será Thanos, o grande vilão da Marvel!

Sebastian Stan desvaloriza confronto entre Marvel e DC Comics!

Paul Bettany tem novo papel em The Avengers 2!

The Avengers 2 terá novo vilão!

Ant-Man adquire o seu primeiro poster!

Ant-Man tem novo realizador!

Edgar Wright abandona Ant-Man

O filme de Ant-Man tem nova data de estreia!

Já temos Ant-Man!

Joss Whedon regressa aos Vingadores!

Marvel - Novidades vindas directamente da Comic-Con

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.

tags:

publicado por Hugo Gomes às 20:06
link do post | comentar | partilhar

10869559_10152723450093215_1336021648073839714_o.j

Arranca hoje, 24 de Fevereiro, no Teatro Municipal Rivoli, no Porto, a 35ª edição do Fantasporto: Festival Internacional de Cinema do Porto. O festival arrancará com uma invulgar obra de terror italiano, Beautiful People, de Brini Amerigo, que se encontra inserido na secção Extreme Horror. O filme que centra numa “home invasion” que acaba mal poderá ser visualizado pelas 23:00 no Grande Auditório do Rivoli.

 

11009877_927513207292944_6593551032541966034_o.jpg

 

O 35º Fantasporto decorrerá até dia 7 de Março, será uma extensa mostra cujo teor fantástico e terror reinará a grande cidade portuguesa. Um dos principais destaques da edição de 2015 tem como nacionalidade sul-coreana, One on One, de Kim Ki-Duk (Spring, Summer, Autumn, Winter... and Spring), uma das habituais presenças na história do festival, será exibido no dia 1 de Março, encontra-se inserido na secção Orient Express.

 

O Cinematograficamente Falando … acompanhará de perto o Festival!

 

one-on-one-2.jpg

 

 Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.


publicado por Hugo Gomes às 15:42
link do post | comentar | partilhar

Jamie-Dornan-in-the-Focus-Features-new-film-Fifty-

A revista australiana de gossips, NW, aclama que possui fontes seguras de que o actor Jamie Dornan não irá continuar o franchising Fifty Shades of Grey (As Cinquenta Sombras de Grey). A notícia foi sucessivamente avançada pela Mirror que adianta que a estrela de um dos hits do momento terá recusado protagonizar as sequelas.

 

A causa desta decisão está o pedido da sua mulher, a actriz Amelia Warner, que se encontra descontente com rumo que a carreira do seu marido segue. Warner já havia declarado um pouco antes da estreia do filme dirigido por Sam Taylor-Johnson de que não iria ver o seu marido em acção, porque supostamente não aguentaria as cenas sexualmente explicitas deste com outra mulher, mesmo sendo tudo encenado.

 

A mesma fonte ainda sugere que Dornan encontra-se actualmente desiludido com a experiência que obteve com As Cinquenta Sombras de Grey, salientado que apesar do êxito este não era o rumo que pretendia na sua carreira, pelo menos não como a de um sex-symbol. As más críticas de que o filme tem sido alvo também ajudaram nesta sua decisão.

 

Como resposta a estes artigos,o site oficial de fãs, Fifty Shades Update, veio por via Twitter confirmar a presença do actor nas próximas duas sequelas – Fifty Shades Darker e Fifty Shades Freed – pedido também aos fãs que ignorem os rumores que os respectivos artigos suscitaram.

 

Recordamos que até à data, As Cinquenta Sombras de Grey, baseado no homónimo livro erótico de E.L. James, tem rendido mais de 400 milhões de dólares em todo o Mundo, só em Portugal foi visto por mais 235 mil expectadores (dados do ICA durante a semana 12 a 18 de Fevereiro).

 

 

Ver Também

A escritora E. L. James exige controlo total nas sequelas de "As Cinquenta Sombras de Grey"!

Fifty Shades of Grey (2015)

Porno-stars dão 5 razões para odiar as "As Cinquenta Sombras de Grey"!

Organização lança campanha de boicote ao filme "As Cinquenta Sombras de Grey"

Jamie Dornan defende "As Cinquenta Sombras de Grey".

Fifty Shades of Grey terá cenas de sexo cortadas!

 

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.

tags:

publicado por Hugo Gomes às 14:38
link do post | comentar | partilhar

23.2.15

INNER GHOSTS LOGO 2.jpg

Segundo o site C7nema, Inner Ghosts arranca as suas filmagens já no próximo mês de Março. Trata-se da primeira longa-metragem da produtora portuguesa Bad Behaviour, assinado por João Alves, o mesmo realizador da premiada curta de animação Morcegos no Campanário (teve estreia comercial no nosso país, antecedendo a Machete Kills). O filme seguirá a história de duas jovens que são treinadas por uma reformada médium para poderem comunicar com os mortos. Espera-se que a estreia de Inner Ghosts ocorra na segunda metade de 2015.

 

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.


publicado por Hugo Gomes às 22:00
link do post | comentar | partilhar

Alentejo,.jpg

A última obra de Sérgio Tréfaut, “Alentejo, Alentejo”, vai ter uma sessão especial na loja FNAC do Chiado, Lisboa, amanhã (24 de Fevereiro) pelas 18h30. Sessão, essa que será antecedida por um cante ao vivo do Grupo Coral da Damaia, “Os Alentejanos”.

 

Recordamos que o filme de Tréfaut é um documentário que segue a trilha de um dos nossos patrimónios nacionais, o cante alentejano. Explorando as suas raízes, a sua história e legado. O filme tende em focar principalmente a proliferação do cante nas periferias de Lisboa, hoje apenas sobrevive na “voz” de vários grupos amadores.

 

Vencedor do Prémio Melhor Filme Português e Melhor Documentário da edição 2014 do Indielisboa, Alentejo, Alentejo encontra-se actualmente disponível em DVD e a sua banda sonora editada para CD de Áudio pela Alambique.

 

ALENTEJO ALENTEJO - trailer longo HD - versão PT from Faux on Vimeo.

 

 Ver Também

Indielisboa'14: Os Vencedores

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.


publicado por Hugo Gomes às 18:32
link do post | comentar | partilhar

Birdman.jpg

As asas do homem-pássaro cobrem a ignorância de todos nós!

 

Birdman é a uma inesperada mudança do cineasta mexicano, Alejandro Gonzalez Iñarritu, ao registo mosaico do qual era sem dúvida anexado. Depois de Amores Perros, 21 Grams e Babel, a formada trilogia da dor, o ensaio narrativo celebrizado nas obras anteriormente referidas tornaram-se referências usuais aos diversos cineastas do nosso tempo, talvez seja por isso que não haveria qualquer sentido a invocação dos mesmos códigos. Graças aos céus que Iñarritu não é um autor limitado ao seu veio artístico, mas sim em pleno desenvolvimento das suas capacidades visuais e do teor do storytelling. Se já Biutiful marcava essa transição, despido a sua aptidão de filmar a dor com o extremo trabalho da montagem, é com Birdman que presenciamos um novo olhar, uma nova fase, provavelmente um novo autor.

 

Birdman1.jpg

 

A dor quase franciscana das suas obras recorrente dá lugar a uma ácida comédia que encontra o seu ponto de vista nas deformidades do ego humano. Mesmo tendo esse género categorizado, Birdman é tudo menos hilariante, aliás o seu enredo não é mais do que conjunto de pequenas tragédias em modo consequencial. Mas o que de mais visceral deste novo filme de Iñarritu possui é a sua capacidade de crítica, e que tão bem faz sem que nós, espectadores, apercebamos dos ditos actos. E aí está … a inesperada virtude da ignorância!

 

birdman2.jpg

 

A história remete-nos a um actor de Hollywood, Riggan Thomson (Michael Keaton), famoso por ter vestido o fato de super-herói, o homónimo, num franchising próprio há uns anos atrás. Com o tempo, Thomson ficou descredibilizado como profissional e esquecido pelas novas gerações. Determinado em perseguir e atingir o prestígio, envolve-se num ambicioso projecto de protagonizar uma peça da Broadway. Peça essa (What We Talk About When We Talk About Love, de Raymond Carver), que antes da sua derradeira estreia apresenta problemas de toda a espécie, entre os quais a vinda de um novo actor coadjuvante, o imprevisível Mike Shiner (Edward Norton), a mais temida crítica de Nova Iorque que ameaça "acabar" com o espectáculo apenas com um artigo e o confronto intrínseco entre Riggan e o seu alter-ego.

 

birdman3.jpg

 

Mesmo com um argumento original, escrito a oito mãos, Birdman salienta como uma distorcida distopia baseado em casos verídicos, se não fosse o facto de ser protagonizado por Michael Keaton, que alguns anos atrás vestiu a "pele" de Batman, em dois bem-sucedidos filmes de Tim Burton e que actualmente encontra-se forçado a existir à conta de personagens secundárias sem qualquer tipo de relevância. Sim, o filme de Iñarritu por pouco não soava uma autobiografia disfarçado como acontecera com Mickey Rourke em The Wrestler, de Darren Aronofsky, o porquê de não ter seguido esse caminho é derivado ao vasto olhar que o cineasta quer lançar de forma auto-destrutiva. Mas por enquanto podemos referir que as prestações são um encanto, muito graças ao próprio realizador que sempre revelara num formidável director de actores. Michael Keaton é exímio neste perfomance pessoal e demente (por pouco o Óscar de Melhor Actor não lhe escapava), Edward Norton parece compensar-nos pela sua "carreira deitada fora", Emma Stone constrói um personagem singular e Naomi Watts é um suporte à altura de qualquer elenco.  

 

Birdman4.jpg

 

O elenco sim, é uma mais valia desta obra complexa narrada por um falso plano-sequência a relembrar o trabalho feito por Hitchcock em The Rope (1948) ou para sermos mais hereges, uma falsificação ao esforço de Sokurov. Esta decisão narrativa, uma contradição aos projectos anteriores do cineasta, mosaicos e narrativas alteradas, detidas graças a um reforçado trabalho de edição, agora vislumbramos um filme em que a dita edição é uma linha quase imperceptível. Toda este loop que aprisiona o enredo nos guia para uma complicada sociedade em si. Dificilmente encontraremos um alvo certeiro, aliás são muito os objectivos a ser abatidos nesta gratificante jornada. Poderemos pensar que Hollywood é o antagonista, mas o Teatro e o seu mundo de snobismo também encontra-se “à baila” nesta reflexão. Depois seguimos a crítica e o seu papel cada vez mais pessoal e regido por “vendettas” de igual natureza. Até chegamos a criticar o mais improvável dos alvos... Nós! Eu, tu, o do lado, os espectadores em geral, que sorriam solenemente fase a um circo montado por Iñarritu. Muitos de nós não irão perceber o porquê desta atitude rodopiante e ácida, outros, mais dotados na leitura visual e subliminar entenderão, provavelmente a ofensa é o sentimento a seguir. Somos as “moscas que comem merda”, como é citado a certa altura por Birdman, enquanto o fantasmagórico alter-ego nos olha directamente nos olhos e que descaradamente nos dá a entender a nossa ignorância. E tão inesperada virtude que tem essa dita ignorância.

 

Birdman5.jpg

 

Iñarritu reinventa-se, expõe-nos um filme inclassificável, um tipo de cinema de molda para cada espectador ao invés do contrário (o final é a indicação disso mesmo). O vencedor do Óscar de Melhor Filme de 2015 é uma atípica obra-prima do cinema moderno, uma parábola narrativa interdita a todos aqueles que preferem limitar à sua própria “sabedoria”. Vivemos numa sociedade de ignorantes e de hipócritas, guiados por egos injustificáveis e uma cultura desvalorizada.

 

“People, they love blood. They love action. Not this talky, depressing, philosophical bullshit.”

 

Real.: Alejandro Gonzalez Iñarritu / Int.: Michael Keaton, Emma Stone, Edward Norton, Naomi Watts, Zach Galifianakis, Andrea Riseborough

 

Birdman6.jpg

 

Ver Também

Biutiful (2010)

21 Grams (2003)

Babel (2006)

 

 

 

10/10
tags: ,

publicado por Hugo Gomes às 18:01
link do post | comentar | partilhar

Nicolas-Cage-Celebrity-Wallpaper-HD.jpg

Nicolas Cage junta-se à rodagem de The Snowden Files, o próximo filme de Oliver Stone que começou a ser filmado semana passada em Munique, na Alemanha. O actor irá interpretar um antigo agente dos serviços secretos norte-americanos.

 

The Snowden Files girará em torno de Edward Snowden e os seus ficheiros. Baseado na  publicação de Anatoly Kucherena [o advogado russo de Snowden], The Time of the Octopus, e no do jornalista Luke Harding, The Snowden Files, The Inside Story of the World's Most Wanted Man, este projecto contará com Joseph Gordon-Levitt na pele do mediático ex-funcionário da CIA e da NSA. Shailene Woodley, Melissa Leo, Zachary Quinto, Tom Wilkinson, Rhys Ifans, Joely Richardson e Timothy Olyphant compõem o elenco desta produção que chegará aos cinemas no final de 2015.

 

 Ver Também

Arranca filme sobre Edward Snowden!

Joseph Gordon-Levitt pode interpretar Edward Snowden no filme biográfico que se encontra a ser desenvolvido por Oliver Stone

Oliver Stone transportará história de Edward Snowden ao cinema!

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.

 


publicado por Hugo Gomes às 17:04
link do post | comentar | partilhar

Brody-Oscar-Nominations-2015-1200.jpg

Birdman levou a melhor sobre Boyhood, aquele que era apontado como o grande favorito, nos prémios da Academia. O mais recente filme de Alejandro G. Iñarritu arrecadou 6 Óscares, incluindo o de Melhor Filme, Melhor Realizador e Melhor Argumento Adaptado. Contudo, Michael Keaton não conseguiu a estatueta de Melhor Actor, tendo esta “caído” para as mãos de Eddie Redmayne graças á sua prestação de The Theory of Everything. Sem surpresas, Julianne Moore foi a premiada por Still Alice, J.K. Simmons é o Melhor Actor Secundário por Whiplash e Patricia Arquette como Melhor Actriz Secundária por Boyhood. Ida, de Pawel Pawlikowski, Citizenfour, de Laura Poitras e Big Hero 6, de Don Hall e Chris Williams foram alguns dos premiados.

 

 

Melhor Filme

Birdman

 

Actor

Eddie Redmayne - The Theory of Everything

 

Actriz

Julianne Moore - Still Alice

 

Actriz Secundária

Patricia Arquette - Boyhood

 

Actor Secundário

J.K. Simmons - Whiplash

 

Realização

Birdman or (The Unexpected Virtue of Ignorance) - Alejandro G. Iñárritu

 

Melhor Argumento Adaptado

The Imitation Game

 

Melhor Argumento Original

Birdman or (The Unexpected Virtue of Ignorance)

 

Animação

Big Hero 6

 

Cinematografia

Birdman or (The Unexpected Virtue of Ignorance)

 

Guarda-Roupa

The Grand Budapest Hotel

 

Melhor Documentário

CitizenFour

 

Edição

Whiplash

 

Melhor Filme Estrangeiro

Ida

 

Maquiagem & Penteados

The Grand Budapest Hotel

 

Banda Sonora

The Grand Budapest Hotel - Alexandre Desplat

 

Música Original "Glory”, Selma

 

Design de Produção

The Grand Budapest Hotel

 

Melhor Curta-metragem (Documental)

Crisis Hotline: Veterans Press 1

 

Melhor Curta-metragem (Animação)

Feast

 

Melhor Curta-metragem (Ficção)

The Phone Call

 

Edição de Som

American Sniper

 

Som

Whiplash

 

Efeitos Visuais

Interstellar

 

 

Ver Também

American Sniper (2014)

Boyhood (2014)

Ida (2013)

Interstellar (2014)

The Grand Budapest Hotel (2014)

The Imitation Game (2014)

Whiplash (2014)

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.


publicado por Hugo Gomes às 06:28
link do post | comentar | partilhar

21.2.15

140207-snowden-1058_8b6aa1b5a393a186b3baebaf53836a

Já arrancaram em Munique, na Alemanha, as rodagens de The Snowden Files, o próximo filme de Oliver Stone (Platoon, JFK) que girará em torno de Edward Snowden e o seus ficheiros. Baseado na  publicação de Anatoly Kucherena [o advogado russo de Snowden], The Time of the Octopus, e no do jornalista Luke Harding, The Snowden Files, The Inside Story of the World's Most Wanted Man, este projecto contará com Joseph Gordon-Levitt na pele do mediático ex-funcionário da CIA e da NSA. Shailene Woodley, Melissa Leo, Zachary Quinto, Tom Wilkinson, Rhys Ifans, Joely Richardson e Timothy Olyphant compõem o elenco desta produção que chegará aos cinemas no final de 2015.

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.

tags:

publicado por Hugo Gomes às 14:59
link do post | comentar | partilhar

indiana-jones-sankara-stones-1.jpg

Há algum tempo ouviu-se falar na possibilidade de Chris Pratt (Guardians of the Galaxy) protagonizar um quinto filme da saga Indiana Jones. Agora a Deadline revelou de que Steven Spielberg tem como desejo voltar a tomar as rédeas do franchising. Apesar de tudo, para além de se saber que se trata de um reboot à saga iniciada em 1981 protagonizada por Harrison Ford, ainda é desconhecida qualquer decisão quanto ao enredo.

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.

tags:

publicado por Hugo Gomes às 14:26
link do post | comentar | partilhar

54e7c9f28d77134d68d3eb3f_kristen-stewart-cesar.jpg

Depois de ter triunfado nos prémios Lumière, Timbuktu sai triunfante dos Césars, os prémios atribuídos pela Academia Francesa de Cinema. O filme mauritano de Abderrahmane Sissako, que se encontra actualmente entre os nomeados ao Óscar de Melhor Filme de Língua Estrangeira, arrecadou 7 prémios. Porém, a protagonista da noite foi outra, a jovem actriz Kristen Stewart acaba por fazer História, por se tornar na primeira norte-americana a vencer um prémio de interpretação, neste caso o de Melhor Actriz Secundária por Sils Maria, de Olivier Assayas. Saint Laurent, de Bertrand Bonello, foi o grande perdedor da noite, tendo sido o filme mais nomeado (10 nomeações) apenas conseguiu vencer uma estatueta, a de Melhor Guarda-Roupa.

 

Melhor Filme
Timbuktu 

 

Melhor Realizador
Abderrahmane Sissako por Timbuktu

 

Melhor Actriz
Adèle Haenel, Les Combattants

 

Melhor Actor
Pierre Niney, Yves Saint-Laurent

 

Melhor Actriz Secundária
Kristen Stewart, Sils Maria

 

Melhor Actor Secundário
Reda Kateb, Hippocrate

 

Melhor Filme Estrangeiro
Mommy

 

Melhor Argumento Adaptado
Diplomatie

 

Melhor Argumento Original
Timbuktu

 

Melhor Actriz Revelação
Louane Emera, La Famille Bélier

 

Melhor Actor Revelação
Kévin Azaïs, Les Combattants

 

Melhor Primeiro Filme
Les Combattants

 

Melhor Documentário
O Sal da Terra 

 

Melhor Música
Amine Bouhafa, Timbuktu

 

Melhor Filme de Animação (Curta-metragem)
Les Petits cailloux

 

Melhor Filme de Animação (Longa-Metragem)
Minuscule - La vallée des fourmies perdues de Thomas Szabo, Hélène Giraud (longa metragem)

 

Melhor Som
Timbuktu

 

Melhor Cinematografia
Timbuktu

 

Melhor Guarda-Roupa
Saint Laurent

 

Melhor Direcção Artística
La Belle et la Bête

 

Melhor Edição
Timbuktu

 

Melhor Curta-Metragem de Imagem Real
La Femme de Rio 

 

 

Ver Também

Mommy (2014)

Saint Laurent (2014)

Yves Saint Laurent (2014)

Timbuktu triunfa nos Lumière

Revelados os nomeados aos Prémios Césars!

Óscars 2015 - Os Nomeados

 

Acompanha-nos no Facebook, aqui, e no Twitter, aqui.


publicado por Hugo Gomes às 11:48
link do post | comentar | partilhar


sobre mim
pesquisar
 
arquivos
2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


recentemente

Monstra 2015 em comemoraç...

Yvone Kane com sessões es...

Lady Gaga em American Hor...

Vem aí "reboot" do Tomb R...

Vejam o trailer final de ...

8 1/2 Festa do Cinema Ita...

Kristen Stewart em nova p...

Jessica Chastain e Emily ...

Taken 3 (2015)

Poster de The Age of Ultr...

últ. comentários
Heath Ledger, Jennifer Lawrence, George Clooney......
Tem aí filmes bastante bons sim mas há ainda melho...
I agree with you! Mesmo toda a má publicidade é bo...
Eu acho essas campanhas uma bobagem. Quem leu essa...
"Sniper Americano" é um filme bastante interessant...
Takes
10/10 - Magnífico
9/10 - Imprescindível
8/10 - Bom
7/10 - Interessante
6/10 - Razoável
5/10 - Medíocre
4/10 - Muito Fraco
3/10 - Mau
2/10 - Péssimo
1/10 - De Fugir
0/10 - Nulidade
stats counter
HTML Hit Counter
counter
links
mais comentados
nombloind.jpg
subscrever feeds
blogs SAPO